fbpx

Arranca em Évora a primeira central fotovoltaica que vai abastecer 10 mil lares

Começou a ser construída em Évora a primeira central fotovoltaica de toda a Península Ibérica que não receberá qualquer tipo de subsídios públicos.

O projeto surge no seguimento de um contrato pioneiro de compra de energia (PPA – Power Purchase Agreement) a 10 anos, celebrado com o grupo energético suíço Axpo, que possibilita a comercialização de energia e respalda o financiamento privado do projeto. Com um financiamento a rondar os 20 milhões de euros, a central é desenvolvido e promovido pelo grupo Hyperion Renewables, que se mantém como acionista minoritário, em sociedade com o atual o acionista maioritário: o fundo de investimento Mirova, especializado em projetos de energias renováveis. O modelo de financiamento utilizado conta com a participação direta do BPI (Banco Português de Investimentos).

A nova Central Fotovoltaica ocupa uma área de 55 hectares e terá uma capacidade total instalada de 28,8 MW de potência de pico, com uma produção anual de energia superior a 52 GWh/ano – o equivalente ao consumo médio anual de quase 10 000 habitações. As obras estarão concluídas antes do final do ano, estando a entrada em exploração prevista para o início de 2019. A componente de engenharia e projeto está a cargo da empresa nacional Jayme da Costa, grupo responsável pela instalação de várias centrais a nível global.

O Grupo suíço Axpo, presente em Portugal desde 2012, atuará como agente vendedor da central fotovoltaica no mercado ibérico de eletricidade, proporcionando até 2029 uma garantia de preço para permitir o seu financiamento.

A central de Vale de Moura permitirá evitar a emissão 110 756 toneladas de CO2 por ano, ajudando a cumprir as metas de descarbonização estabelecidas pela União Europeia, onde se pretende que Portugal aumente a quota de energia proveniente de fontes renováveis no consumo final para 31%, até 2020. Além disso, a construção desta central contribui para a independência energética portuguesa, garantindo a segurança de abastecimento e sustentabilidade económica e ambiental.

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,778FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
628SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Bolt recomeça expansão e chega a Évora

É a primeira cidade no Alentejo a receber este serviço.

Lares de idosos. Visitas são retomadas a partir de 18 de maio

Será preciso respeitar uma série de requisitos gerais e específicos para que estas visitas aos lares de idosos possam acontecer.

CTT e Hovione oferecem álcool gel a bombeiros, lares, IPSS e outras instituições

A solução antisséptica de base alcoólica é produzida pela Hovione na sua fábrica em Loures.

O novo espaço da Rota dos Vinhos do Alentejo em Évora quer aumentar o enoturismo na região

O novo espaço da Rota dos Vinhos do Alentejo situa-se na Rua 5 de Outubro, n.º 88, no trajeto da Praça do Giraldo para a Sé de Évora e o Templo Romano.
- Publicidade -

Mais Recentes

Análise – Urbanista Stockholm Plus

Caso estejam à procura de uma earphones True Wireless cuja relação qualidade-preço faça valer o investimento, os Urbanista Stockholm Plus são uma aposta segura.

Stand Up Sessions está de volta e leva Hugo Sousa e Ana Garcia Martins a Guimarães

E a estes dois junta-se ainda o já amplamente conhecido Nilton.