Efterklang no M.Ou.Co – Álbum novo e muita emoção no regresso ao Porto

Agora sim, podemos finalmente sentir um concerto como há muito não o sentíamos.

- Publicidade -

Foi no passado dia 5 de novembro que os dinamarqueses Efterklang apresentaram-se no Porto, na novíssima sala de espetáculos do Hotel M.Ou.Co. Na bagagem, o mais recente álbum Windflowers e uma vontade imensa de celebrar um concerto inesquecível para os presentes.

O M.Ou.Co, o novo espaço cultural e hoteleiro do Porto, inaugurado oficialmente em setembro, serviu de palco para o evento SON Estrella Galicia, que contou com a presença dos Efterklang e, no dia seguinte, dos portugueses First Breath After Coma.

A banda dinamarquesa foi recebida numa sala esgotada e, apesar da noite fria, o ambiente no seu inteiror era bastante caloroso, o que levou a que o vocalista Casper Clausen vestisse uns calções a meio do mesmo. Mas por falar em caloroso, Windflowers, o sexto álbum de originais da banda, deixou-nos de alma bem aquecida e confortada. Este é um disco a que podemos chamar de casa. As emoções fluem de uma forma tão honesta e tão pessoal que é impossível não nos deliciarmos com as letras que a compõem – todas elas escritas em inglês, com a exceção do último tema “Abent Sar”, escrito em dinamarquês.

Os Efterklang convidaram o público a entrar no seu mundo, bem juntinhos, e foi simplesmente maravilhoso. Houve momentos ora intimistas e melancólicos, como na música “Hold Me Close When You Can”, onde a sala se encheu com a voz de Casper e com as teclas de Simon Toldam, ora imensamente festivos e dançantes como em Abent Sar, onde o baixista Rasmus Stolberg e Casper Clausen se juntaram ao público numa pequena “rave” no clímax da música.

Podemos resumir esta noite como uma partilha e uma energia tremenda entre banda e público ao longo de todo o concerto, o que deixou todos os presentes absolutamente maravilhados e agradecidos com este regresso dos Efterklang à cidade do Porto. Durante este hiato que aconteceu devido à pandemia, sentimos essencialmente a falta desta proximidade, deste calor humano, destas emoções bem à flor da pele. A dança que teimava em não acontecer estando reservados a um lugar sentado… agora sim, podemos finalmente sentir um concerto como há muito não o sentíamos.

Fotos de: Telmo Pinto

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

M.Ou.Co. entra em funcionamento a 9 de setembro

A abertura oficial é assinalada com um concerto de Manel Cruz.

Efterklang, MadMadMad e Sensible Soccers no festival Aleste

Há três novidades, e de luxo, no festival Aleste 2020. Falamos dos dinamarqueses Efterklang, dos portugueses Sensible Soccers e dos franceses MadMadMad, projetos que adensam a lista de nomes que marcarão o dia maior da festa que, a 30 de maio, regressa ao Funchal e ao Complexo Balnear da Barreirinha.

Efterklang regressam a Portugal em outubro para dois concertos

Contam-se quase sete anos desde os últimos sinais de atividade de um dos trios mais prolíficos da pop contemporânea,...
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Nazaré cancela eventos de rua do Carnaval 2022 e ativa Plano Municipal de Emergência

As regras no município podem apertar se o presidente da câmara assim o decidir.

Não haverá festas de passagem de ano no Algarve

E foram também canceladas várias iniciativas que integravam a programação de Natal.

Análise – Sony Pulse 3D Midnight Black

Fez no passado mês de novembro um ano desde que a PlayStation 5 chegou ao mercado. Com ela vieram também os primeiros acessórios, entre eles os Sony Pulse 3D, que recentemente tiveram um “relançamento” numa nova cor.