Gostas de coisas nojentas? Então isto é para ti

Para muitas pessoas, falar do tema da extração de impurezas da pele soa a nojento. Para outros milhões nem por isso, e que o diga a doutora Sandra Lee, mais conhecida na Internet como Dr. Pimple Popper, que já se tornou um autentico fenómeno nos dias de hoje.

- Publicidade -

Foi há cerca de quatro anos que esta dermatologista norte-americana começou a colocar na sua conta do Instagram momentos interessantes que passava com os seus pacientes, especialmente quanto tratava de pontos negros, espinhas e quistos.

Sandra foi tendo cada vez mais aderência e, com isso, resolveu abrir o seu canal do Youtube. A sua popularidade explodiu: 2,6 milhões de seguidores no Instagram e quase 3,2 milhões de subscritores no Youtube.

Curiosamente, esta dermatologista nunca achou o tema da extração realmente interessante, já que percecionava isto como algo banal, sendo uma tarefa que podia caber a esteticistas. No entanto, o interesse dos seguidores era tanto que a Dra. Sandra Lee acabou por fazer sucesso com este tema “nojento”.

A carreira desta dermatologista vai agora ganhar uma nova etapa, já que o canal de televisão TLC irá exibir um especial dedicado ao seu trabalho. O programa chama-se Dr. Pimple Popper: This is Zit e vai ser exibido já no próximo dia 3 de janeiro de 2018. Segundo os guias de TV que consultámos, este especial não irá passar, para já, no canal do TLC em Portugal. Esperam-se vídeos diferentes daqueles que têm sido colocados nas redes sociais.

Além deste especial de TV, a dermatologista tem ainda uma série no Facebook Watch, o hub do Facebook para conteúdos originais, conhecida como This Is Zit, cujo primeiro episódio já está online.

https://www.facebook.com/DrPimplePopperThisisZit/videos/134947657197312/

A questão é: porque é que as pessoas gostam tanto de ver a extração de impurezas da pele? Em entrevista a um órgão de comunicação social, Sandra Lee referiu que “muitos assistem porque os vídeos ajudam a dormir ou diminuir a ansiedade e os ataques de pânico”.

Outra explicação possível é que as pessoas com tendências obsessivas compulsivas assistem porque os vídeos passam a sensação de limpeza e alívio, ou seja, as pessoas sentem-se bem quando a impureza desaparece.

Muitos vídeos podem ser horríveis ou nojentos, mas ficamos com a ideia de que o nojo e a curiosidade andam de mãos dadas. Afinal de contas, os vídeos da Dr. Pimple Popper têm milhões e milhões de visualizações. E prometem não ficar por aqui.


 

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Revista TIME elege Coimbra como um dos 100 locais do mundo a visitar em 2021

A cidade candidata a Capital Europeia da Cultura em 2027 é uma das duas cidades portuguesas que figuram nesta lista.

Dragon Ball Super: Super Hero é o nome do novo filme

Foi revelado o teaser que anuncia esse mesmo nome, bem como um primeiro olhar ao design de algumas personagens.

Festival O Sol da Caparica passa para 2022

A organização promete "uma edição incrível e inesquecível com muita música lusófona".