Doca da Marinha em Lisboa com investimento de 3,5 milhões de euros para os próximos 15 anos

- Publicidade -

Já no próximo mês de fevereiro, abrirá um novo restaurante na zona.

Em 2019, ficámos a saber que a Doca da Marinha, que se estende entre a Estação Sul e Sueste e o novo terminal de cruzeiros de Lisboa, iria ser requalificada, tornando-se mais ampla e aberta. Cerca de quatro anos depois, temos muitas novidades sobre a Doca da Marinha, oficialmente inaugurada esta terça-feira.

Trata-se do novo projeto do Lean Man Group, vencedor do concurso público para a requalificação da zona, no qual irá investir cerca de 3,5 milhões de euros nos próximos 15 anos. O objetivo? “Transformar a doca num espaço de todos e para todos”, disse hoje Bernardo Delgado, CEO do Lean Man, num encontro com a empresa.

“Nos próximos 15 anos, queremos dar vida, de forma disruptiva e surpreendente, ao investimento que aqui foi feito”, referiu o responsável, aludindo ao investimento de cerca de 3,5 milhões de euros, que permitirão criar também 100 postos de trabalho.

Para já, sabemos que em fevereiro será inaugurado um novo restaurante na zona, gerido pelo chef com duas estrelas Michelin Miguel Rocha Vieira. Contudo, este não será um restaurante de alta cozinha, mas sim um spot com um conceito divertido, onde os empregados terminarão muitos dos pratos à mesa.

De resto, e já com três quiosques abertos, a proposta do Lean Man Group é mesmo apostar nos produtos locais, pelo que, em beve, poderão encontrar por ali plantas e flores à venda, bem como produtos de artesanato, além de muitas barraquinhas de comida. Naturalmente, e para dar uma certa vibe, haverão também concertos de jazz, DJ sets, exposições de arte urbana, entre outras coisas.

Mais detalhes sobre esta nova vida da Doca da Marinha em Lisboa serão revelados em breve.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes