Disney adia os novos filmes de Dr. Strange, Thor, Black Panther e mais

As estreias dos futuros filmes da Marvel para 2022 foram quase todas alteradas.

- Publicidade -

Se já tinham marcado nas vossas agendas as estreias dos próximos filmes da Marvel, então está na altura de fazerem uma pequena edição.

Numa jogada de se adaptarem aos efeitos da COVID-19 e olhando para o sucesso dos mais recentes lançamentos, como foi o caso de Shang-Chi and the Legend of the Ten Rings, a Disney decidiu empurrar para a frente a data de algumas das suas estreias mais importantes, onde se destaca Doctor Strange in the Multiverse of Madness, que se atrasa cerca de um mês, alterando de 25 de março para 6 de maio; Thor: Love and Thunder, que passa de 6 de maio para 8 de julho; ou Black Panther: Wakanda Forever, de 8 de julho para 11 de novembro. Tudo isto, claro, em território norte-americano, mas com efeitos por cá mais dia menos dia.

Além destes, The Marvels foi também adiado para 2023, e Ant-Man and the Wasp: Quantumania, que estava marcado para o início de fevereiro, salta para o verão do mesmo ano.

Mas a Marvel não é a única a ver os seus filmes adiados. Temos o exemplo de Indiana Jones 5, que apesar de ainda estar em produção, é empurrado quase um ano, neste caso para 30 de junho de 2023.

De acordo com o portal Variety, o calendário da Disney encontra também uma série de filmes ainda sem título, que viram as suas datas a serem mexidas. Contudo, o calendário para este ano mantém-se fixo, com a próxima grande aposta, The Eternals, a estrear já no dia 4 de novembro.

Em baixo podem conhecer a lista completa de adiamentos da Disney, com as datas previstas para o território norte-americano e ainda sujeitas a alterações:

  • “Doctor Strange in the Multiverse of Madness” (Disney) anteriormente com data marcada para 25 de março de 2022 passa para 6 de maio de 2022.
  • “Thor: Love and Thunder” (Disney) anteriormente com data marcada para 6 de maio de 2022 passa para 8 de julho de 2022.
  • “Black Panther: Wakanda Forever” (Disney) anteriormente com data marcada para 8 de julho de 2022 passa para 11 de novembro de 2022.
  • “Untitled Indiana Jones” (Disney) anteriormente com data marcada para 29 de julho de 2022 passa para 30 de junho de 2023.
  • “Untitled Disney Live Action” (Disney) anteriormente com data marcada para 14 de julho de 2013 é removido do calendário.
  • “The Marvels” (Disney) anteriormente com data marcada para 11 de novembro de 2022 passa para 17 de fevereiro de 2023.
  • “Ant-Man and the Wasp: Quantumania” (Disney) anteriormente com data marcada para 17 de fevereiro de 2023 passa para 28 de julho de 2023.
  • “Untitled Marvel” (Disney) anteriormente com data marcada para 28 de julho de 2023 é removido do calendário.
  • “Untitled Marvel” (Disney) anteriormente com data marcada para 10 de junho de 2023 é removido do calendário.
  • Untitled 20th Century” (20th) anteriormente com data marcada para 20 de outubro de 2023 é removido do calendário.
  • “Untitled Marvel (Disney) anteriormente com data marcada para 10 de novembro de 2022 passa para 3 de novembro de 2023.
Fonte:Variety
- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Crítica – Ghostbusters: Afterlife

Este é um filme divertido, uma aventura para miúdos e graúdos e um retorno à velha forma dos Caça-Fantasmas.

Crítica – Dune: Parte Um

Se vieram aqui à procura de puro espetáculo, podem ficar desapontados. Mas, se vieram à procura de uma visão original de um dos universos de ficção científica mais amados de sempre, este é o filme certo.

Quinto filme de Scream ganha primeiro trailer

E traz de volta caras conhecidas.

Crítica – Quantum of Solace

Quantum of Solace foi uma das maiores desilusões da década em que foi lançado e também um enorme tombo para a série que foi tão bem revitalizada com Casino Royale.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Inaugurado primeiro Espaço Cidadão numa unidade de saúde

Algo que vem facilitar ainda mais a vida aos cidadãos.

Clockwork Aquario – Uma nova oportunidade para este clássico perdido

Anteriormente cancelado, o título da Westone regressa à vida graças à conversão da Inin Games.

Crítica – Resident Evil: Welcome to Raccoon City

Infelizmente, ainda não foi desta que surgiu um filme genuinamente bom de uma adaptação de Resident Evil para o grande ecrã.