fbpx

Desconcerto, um concerto improvisado que junta quatro artistas em palco

Quando foram de férias para o Algarve no ano passado, César Mourão, Miguel Araújo e António Zambujo, amigos há bastante tempo, começaram a improvisar, do nada.

Primeiro as conversas, depois as guitarradas e, por fim, o improviso. Quando deram conta do que estavam a fazer, perceberam que iam criando e improvisando canções em conjunto, sem qualquer outra intenção que não fosse divertirem-se.

Isto sucedeu-se no Verão passado. Como foram boas memórias, os três artistas decidiram recriar esses momentos de cumplicidade, mas em palco, e, para isto, decidiram convidar Luísa Sobral, também ela uma excelente improvisadora.

O espetáculo chama-se “Desconcerto: Um concerto improvisado” e promete muita música, histórias e bom humor, criado à la minute, absolutamente improvisado, que os surpreenderá tanto quanto ao público.

Esta espécie de concerto vai acontecer a 10 e 11 de abril no Teatro Tivoli BBVA, em Lisboa, e a 16, 17 e 18 de abril no Teatro Sá da Bandeira, no Porto. Os bilhetes já estão à venda para todas as datas e variam entre os 20€ e os 40€, dependendo da secção.


 

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,788FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
630SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Miguel Araújo e Tiago Nacarato reconfirmados no EDP Cool Jazz 2021

São concertos que acontecem na noite de 24 de julho de 2021.

Angie McMahon e Miguel Araújo no MEO Marés Vivas 2020

De um lado, uma australiana. Do outro, um português. Falamos de Angie McMahon e Miguel Araújo, que acabam de ser confirmados para o MEO Marés Vivas 2020.

Miguel Araújo vai ao EDP Cool Jazz e convida Rui Veloso

Miguel Araújo tem marcado a atualidade da música portuguesa, sendo dos artistas em destaque nos últimos anos.

Festival Montepio Às Vezes o Amor anuncia dois concertos surpresa

De um lado, temos a dupla AnaVitória, que, num registo intimista, acústico e à luz das velas, dará um concerto no Clube de Fado, em Lisboa, no dia 14 de fevereiro. Do outro, temos Luísa Sobral, artista que não é estreante do festival, regressando este ano para atuar em registo intimista no Palacete Silva Monteiro - Casa do Vinho Verde, no Porto.
- Publicidade -

Mais Recentes