David Fonseca na Casa da Música – A espontaneidade e criatividade de Radio Gemini

Depois de ter lançado Radio Gemini em 2018, naquele que foi o seu oitavo álbum, David Fonseca decidiu juntar duas paixões, o cinema e a música, numa digressão que levou o seu mais recente trabalho a várias salas de norte a sul do país.

- Publicidade -

No passado dia 27 de novembro, foi a vez do Porto abraçar David Fonseca, num concerto que decorreu na Casa da Música, com a belíssima Sala Suggia completamente lotada.

Depois de projetos como Silence 4, Humanos e também de todos os singles e álbuns de enorme sucesso que tem vindo a produzir, David Fonseca é um artista que há muito dispensa apresentações. Em Radio Gemini somos presenteados com temas vibrantes, entusiasmantes e bem dinâmicos. Desde um pop mais tradicional em “Oh My Heart” até à intimidade e sensualidade do tema “Slow Karma”.

As expetativas eram altas, não fossem os espetáculos de David Fonseca sempre marcantes e com grande interação com o público.

A Sala Suggia rapidamente encheu e foi com pontualidade que David Fonseca e Paulo Pereira entraram em palco para dar início ao concerto com o tema “Someone That Cannot Love”, do seu primeiro álbum a solo Sing Me Something New, de 2003.

Apesar do destaque óbvio de Radio Gemini, David Fonseca revisitou um pouco a sua discografia e incluiu temas como “It Feels Like Something”, do álbum Seasons: Falling, editado em 2012; “Stop 4 A Minute” (Between Waves, 2009) onde David Fonseca saiu do palco e foi tocar com a sua guitarra para junto das pessoas, bem a meio da sala, para gáudio de todos os presentes ; ou ainda “I See The World Through” (Dreams In Colour, 2007) onde requisitou um tapete de relva sintética e aproveitou para brincar com o seu tour manager a respeito dos seus “caprichos”, para depois cantar toda a música deitado a contemplar o teto da Sala Suggia.

Créditos: Telmo Pinto

Publicado por Echo Boomer em Segunda-feira, 9 de dezembro de 2019

Uma das principais novidades desta Radio Gemini Closer Tour era todo o espetáculo visual cinematográfico que ia passando num ecrã gigante, colocado ligeiramente à direita do palco, que complementava na perfeição e de uma forma bastante criativa e artística com toda a produção sonora, o que causava não só um maior impacto a toda a experiência, como dava ainda mais corpo à atuação do duo em palco.

Houve ainda tempo para uma “pseudo” vídeochamada com a cantora Alice Wonder, para que cantassem o tema “Resist” do álbum Radio Gemini. Um momento bem divertido e simulado quase na perfeição: “Estranho em Espanha ainda estar de dia…”, brincou David Fonseca.

Entre músicas, o artista aproveitava para comunicar com o público de uma forma bastante descontraída e animada, brincando com o facto da possibilidade de associar o encore a uma situação do quotidiano provocando risos por toda a plateia.

Naturalmente o encore chegou e, com ele, dois temas de Radio Gemini. O primeiro foi “Slow Karma” e, para terminar com chave d’ouro, “Closer, Stronger”, que também coincide com o último tema do álbum. Aqui, David Fonseca terminou sentado na primeira fila bem junto, uma vez mais, do público.

Terminou, assim, de forma intimista, próxima e envolvente um grande espetáculo de David Fonseca que nos presenteou com uma bela peça de arte sonora e visual.

Fotos de: Telmo Pinto

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,691FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

Música – 100 melhores músicas de 2020

20.000 músicas reduzidas a 100. Um trabalho longo, mas deveras prazeroso. Já passaram mais de 11 anos desde que comecei...

Música – Álbuns essenciais (dezembro)

Poucos foram os lançamentos em dezembro, como era de prever. No entanto, houve surpresas agradáveis.

Concerto dos FrogLeap em Lisboa adiado para outubro

É o projeto do fenómeno do YouTube Leo Moracchioli.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Apple volta a estender a oferta anual do Apple TV+

Devia terminar em fevereiro, mas esta renovação da oferta faz com que os utilizadores tenham acesso ao serviço de streaming até julho deste ano.

2ª temporada de Batwoman estreia a 19 de janeiro na HBO Portugal

Nesta nova temporada, depois de Kate Kane desaparecer misteriosamente, Ryan Wilder (Javicia Leslie) descobre o Batsuit de Kate Kane e não faz ideia de como a sua vida está prestes a mudar drasticamente.