“Até já”. Bruno Nogueira despede-se dos diretos no Instagram na próxima sexta-feira

Como é Que o Bicho Mexe já tem fim anunciado. Mas será o adeus definitivo?

Como é Que o Bicho Mexe

Foi em meados de março, quando estávamos em Estado de Emergência, que o humorista Bruno Nogueira teve a ideia de fazer diretos no seu Instagram. “Para manter a minha própria sanidade mental, para exercitar o improviso, para não me acomodar, e para alimentar a vontade de estar com outros”, referia o próprio num post que fez naquela rede social uns dias depois de ter começado essas lives.

O programa viria a ganhar o nome de Como é Que o Bicho Mexe. Começou pequeno, com pouca gente, mas, desde então, tem reunido uma média de 50-60 mil pessoas em direto, que, desde as 23h, até por volta da 1h da manhã, ficam agarradas ao telemóvel a ver o que se passa no pequeno ecrã.

No fundo, Como é Que o Bicho Mexe é uma espécie de late night show virtual: começa com o anfitrião a dizer umas quantas palermices, passa depois para conversas com diversos convidados e, no fim, termina com um número musical. É assim que acontece na TV; neste caso, é assim que acontece no Instagram. E o sucesso tem sido tremendo.

Bruno Nogueira tem Nuno Markl e Filipe Melo como convidados fixos neste Como é Que o Bicho MexeMexe. E não admira. Afinal de contas, Melo já trabalhou com Bruno em diversos espetáculos, como Deixem o Pimba em Paz, e Markl também já fez diversas coisas com Nogueira. Estes três, em conjunto, criaram o podcast Uma Nêspera no Cu, algo que fez tanto sucesso que levaram o projeto para o palco.

De resto, vão surgindo nomes como João Quadros, Salvador Martina, Beatriz Gosta, Nuno Lopes, João Manzarra, Jessica Athayde, Mariana Cabral (Bumba na Fofinha)… Até Eunice Muñoz e José Castelo Branco já deram um ar de sua graça.

Muito do sucesso do programa deve-se, lá está, ao facto de muitos de nós estarmos por casa, sem trabalho ou regime de teletrabalho. Foi assim que se criou uma grande família, família essa que, todas as noites, de segunda a sexta, se reúne para algo especial.

Mas tudo o que é bom acaba, e Como é que um Bicho Mexe já tem fim anunciado. Bruno Nogueira já tinha avisado que o programa estaria prestes a terminar e, na emissão de ontem, dia 8 de maio, revelou a data final.

“Inicialmente tinha pensado terminar o programa na próxima segunda-feira, mas, e como vi que ia estar uma semana de merda [referindo-se ao estado do tempo previsto], vamos acabar na sexta”, disse o humorista.

“Não é um adeus. Ninguém sabe como as coisas estarão daqui a um ou dois meses. É um até já”, deixando antever que, caso fiquemos novamente confinados em casa, teremos uma segunda temporada de Como é que um Bicho Mexe.

De resto, há muita gente que tem pedido que o também ator faça uma live no Instagram uma vez por semana, mas Bruno Nogueira ainda não se pronunciou sobre esses comentários.

Para a despedida, espera-se um programa especial. A próxima sexta-feira promete.

Sigam-nos

10,855FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
632SeguidoresSeguir

Relacionados

Depois do Instagram, “Como é que o Bicho Mexe” vira programa de TV

Ao que tudo indica será um late night semanal, à semelhança do que tem acontecido com o 5 para a Meia-Noite, na RTP1.

Instagram já disponibilizou códigos QR em todos os perfis

Ficou ainda mais fácil seguir empresas ou amigo.

Bruno Nogueira vai regressar à SIC em setembro

O último projeto do humorista com aquela estação foi o programa Som de Cristal, emitido em 2015.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes