“Até já”. Bruno Nogueira despede-se dos diretos no Instagram na próxima sexta-feira

Como é Que o Bicho Mexe já tem fim anunciado. Mas será o adeus definitivo?

Como é Que o Bicho Mexe

Foi em meados de março, quando estávamos em Estado de Emergência, que o humorista Bruno Nogueira teve a ideia de fazer diretos no seu Instagram. “Para manter a minha própria sanidade mental, para exercitar o improviso, para não me acomodar, e para alimentar a vontade de estar com outros”, referia o próprio num post que fez naquela rede social uns dias depois de ter começado essas lives.

O programa viria a ganhar o nome de Como é Que o Bicho Mexe. Começou pequeno, com pouca gente, mas, desde então, tem reunido uma média de 50-60 mil pessoas em direto, que, desde as 23h, até por volta da 1h da manhã, ficam agarradas ao telemóvel a ver o que se passa no pequeno ecrã.

No fundo, Como é Que o Bicho Mexe é uma espécie de late night show virtual: começa com o anfitrião a dizer umas quantas palermices, passa depois para conversas com diversos convidados e, no fim, termina com um número musical. É assim que acontece na TV; neste caso, é assim que acontece no Instagram. E o sucesso tem sido tremendo.

Bruno Nogueira tem Nuno Markl e Filipe Melo como convidados fixos neste Como é Que o Bicho MexeMexe. E não admira. Afinal de contas, Melo já trabalhou com Bruno em diversos espetáculos, como Deixem o Pimba em Paz, e Markl também já fez diversas coisas com Nogueira. Estes três, em conjunto, criaram o podcast Uma Nêspera no Cu, algo que fez tanto sucesso que levaram o projeto para o palco.

De resto, vão surgindo nomes como João Quadros, Salvador Martina, Beatriz Gosta, Nuno Lopes, João Manzarra, Jessica Athayde, Mariana Cabral (Bumba na Fofinha)… Até Eunice Muñoz e José Castelo Branco já deram um ar de sua graça.

Muito do sucesso do programa deve-se, lá está, ao facto de muitos de nós estarmos por casa, sem trabalho ou regime de teletrabalho. Foi assim que se criou uma grande família, família essa que, todas as noites, de segunda a sexta, se reúne para algo especial.

Mas tudo o que é bom acaba, e Como é que um Bicho Mexe já tem fim anunciado. Bruno Nogueira já tinha avisado que o programa estaria prestes a terminar e, na emissão de ontem, dia 8 de maio, revelou a data final.

“Inicialmente tinha pensado terminar o programa na próxima segunda-feira, mas, e como vi que ia estar uma semana de merda [referindo-se ao estado do tempo previsto], vamos acabar na sexta”, disse o humorista.

“Não é um adeus. Ninguém sabe como as coisas estarão daqui a um ou dois meses. É um até já”, deixando antever que, caso fiquemos novamente confinados em casa, teremos uma segunda temporada de Como é que um Bicho Mexe.

De resto, há muita gente que tem pedido que o também ator faça uma live no Instagram uma vez por semana, mas Bruno Nogueira ainda não se pronunciou sobre esses comentários.

Para a despedida, espera-se um programa especial. A próxima sexta-feira promete.

- Publicidade -

Sigam-nos

10,710FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
623SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Bruno Nogueira vai regressar à SIC em setembro

O último projeto do humorista com aquela estação foi o programa Som de Cristal, emitido em 2015.

Instagram vai finalmente lançar ferramentas de monetização para os criadores de conteúdo

Mas não esperem ver essas funcionalidades disponíveis por cá nos próximos meses.

Como é Que o Bicho Mexe. Bruno Nogueira disponibiliza último direto no Instagram

Não conseguiram acompanhar o último programa? Nada tema. Agora podem ver ou (re)ver a última live épica de Como é Que o Bicho Mexe.
- Publicidade -

Mais Recentes

Como prevenir ataques DDoS: 6 dicas para manter o vosso site seguro

Ser vítima de um Ataque Distribuído de Negação de Serviço (DDoS) pode ser catastrófico.