Como criar e divulgar os vossos podcasts Geek

Dos vários formatos de conteúdo para a web, há um que está a ganhar a preferência do público, especialmente o público geek. São os podcasts. Assim como os vídeos, os podcasts são ferramentas eficientes para a transmissão de qualquer tipo de mensagem no meio digital.

Além disso, os podcasts mostram como a web evoluiu quando o assunto é diversidade de formato para a criação de conteúdo, especialmente quando são inseridos em artigos.

Lembram-se de como eram os artigos na década passada, em que os blogs eram, basicamente, recetáculos para textos e imagens? Pois hoje, graças a melhores recursos, também suportam vídeos e os cada vez mais conhecidos podcasts.

Por isso, se o vosso projeto na web é voltado para o público Geek, não descartem a ideia de criar um podcast. Mas, afinal, sabem efetivamente o que é e como funciona esse tipo de formato?

O podcast é, essencialmente, um conteúdo em áudio, disponibilizado por meio de um arquivo ou streaming. Uma das vantagens que apresenta é a de ser ouvido quando alguém achar conveniente.

Pode ser ouvido em diversos dispositivos, facto esse que foi o empurrãozinho para o podcast se tornar num dos formatos mais queridos e acessíveis, principalmente pelo público Geek.

Podcast Geek – Como chegar até aos ouvidos do vosso público

Uma das vantagens de produzir material para geeks é a diversidade de assuntos que constituem o universo de preferência desses públicos. Dessa maneira, torna-se mais fácil a segmentação de conteúdo.

Nesse caso, podem, por exemplo, criar um podcast dedicado a falar sobre jogos ou sobre séries de TV. Ou talvez até um podcast sobre animes e histórias das bandas desenhadas.

O facto é que o podcast é como um programa de rádio, em que o público pode ouvir na hora e no lugar que bem entender.

Um dos benefícios é apresentar uma baixa transferência de largura de banda e não consumir tanto como os vídeos, sendo bem mais “amigo” no que toca ao uso dos dados móveis.

A criação do vosso podcast Geek

Depois de terem definido o tema do vosso podcast, de terem pesquisado sobre o conteúdo e estabelecido um plano para abordar o assunto, chega a hora de gravar o que querem partilhar com o mundo.

Podem até ser o único participante do vosso podcast, mas claro que isso não é o ideal. É interessante contar com a presença de mais pessoas, até para que os ouvintes não fiquem entediados com a vossa voz. Além disso, outros participantes podem trazer pontos de vista diferentes sobre o tema abordado.

Contudo, é importante também que o ambiente onde o podcast é gravado tenha uma boa acústica, evitando a presença de ruídos externos capazes de atrapalhar o áudio. Se tiverem condições, claro, podem gravar o vosso podcast num estúdio profissional.




Outro detalhe é o microfone. É válido contar com um microfone de qualidade, que capte bem a voz do locutor e de todos os envolvidos no podcast.

Após a gravação, chega a hora de pensar na edição. É nessa hora que vão poder inserir efeitos de áudio, banda sonora e eliminar alguns erros. Um bom software de edição de áudio é o Audacity.

A publicação e divulgação do vosso podcast Geek

Existem alguns espaços onde podem publicar o vosso podcast. O Soundcloud é um deles. Entre as vantagens do Soundcloud, é possível citar o facto de que possui ferramentas de estatísticas para medirem a vossa audiência.

O Soundcloud também fornece a opção de receber comentários do público. Esse é um benefício, até porque os geeks ouvintes poderão ter um espaço para tecer sugestões, críticas ou até contribuir com mais informações para o vosso podcast.

Além disso, o Soundcloud pode ser partilhado nas redes sociais, o que é uma “mão na roda” quando o assunto é divulgação. Além do Soundcloud, um podcast pode também ser publicado no Spotify.

Para tornar a divulgação do vosso podcast ainda mais eficiente, é interessante ter um blog ou um site, uma vez que, com essas ferramentas, é possível inserir textos, vídeos e, claro, o podcast. Dessa forma, conseguem ter online um conteúdo rico e de qualidade.

Lembrem-se que, por falar em blog, é bom pensar em ter um bom plano de alojamento e um domínio próprio. Graças a um nome de domínio, irão conseguir transmitir mais profissionalismo e credibilidade para a vossa audiência.

Ainda não o fizeram? Cliquem aqui e sigam os passos.

Ao mesmo tempo, ter um bom alojamento irá garantir a estabilidade, a segurança e a velocidade de carregamento adequada do vosso site.

Todavia, como os podcasts possuem algum “peso” dentro de um site, vale a pena apostar em alojamentos mais robustos e com maior capacidade de armazenamento e processamento.

Conclusão

O público Geek é bastante amplo. Há desde aquela turma que aprecia jogos, bem como aquele segmento que dá mais atenção a séries de TV e filmes. Porém, o que todos possuem em comum é exigir conteúdo e informação de qualidade.

Além disso, cada vez mais os Geeks se rendem às facilidades dos podcasts, uma vez que é um formato acessível.

Portanto, na hora de criar e divulgar o vosso podcast Geek, pensem na qualidade do áudio e na riqueza de informações do vosso conteúdo. Pesquisem, usem a criatividade e conquistem vários ouvintes.

- Publicidade -

Sigam-nos

10,454FansCurti
4,046SeguidoresSeguir
531SeguidoresSeguir

Relacionados

Bill Burr, um comediante para um grupo particular de pessoas

Uma análise baseada em vários episódios do podcast Bill Burr’s Monday Morning Podcast.

Nova plataforma reúne eventos online de transmissão em direto num só local

Chama-se Calendall e acaba de ser lançada em tempo de #FiqueEmCasa. Essencialmente, o site reúne num só local os eventos que têm vindo a acontecer nas redes sociais e outras plataformas online.
- Publicidade -

Mais Recentes

Free Now. Utilizadores vão pagar mais por quilómetro em viagens de longa distância

É amanhã que começa a aventura na Free Now. E já temos novidades.

Uber Connect. Novo serviço permite-nos enviar encomendas através dos motoristas da Uber

Esta é uma forma encontrada pela Uber para aumentar os rendimentos dos motoristas durante estes dias.

Samsung Galaxy Z Flip. Afinal, como é ter um smartphone que se dobra em concha?

Durante estes dias, tive oportunidade de usar e abusar do mais recente dobrável da Samsung. Mas será este um smartphone para todos?