Como comprar criptomoedas de forma segura em Portugal

- Publicidade -

As criptomoedas mudaram completamente a ideia que se tinha até ao início dos anos 2010 sobre moedas e transações. Hoje em dia, as pessoas podem compreender melhor como estas funcionam, mas no passado era confuso imaginar uma moeda digital.

Além de virtuais, as criptomoedas, como a Bitcoin, a mais conhecida delas, são descentralizadas de qualquer governo ou instituição financeira. Ou seja, a emissão e transações não estão sob o controlo de um Banco Central. Por isso, é importante saberem qual é o melhor site para comprar criptomoedas em Portugal.

As boas corretoras de criptoativos podem garantir a segurança das transações, além de terem estruturas em termos de conhecimentos e equipamentos para fazer mineração.

Devido ao facto de não ter qualquer tipo de controlo de instituições financeiras, as transações acontecem entre quem quer comprar e vender. Então, para evitarem roubos e fraudes, é preciso tomar alguns cuidados para não ficarem com prejuízo.

O que são criptomoedas?

As criptomoedas foram lançadas oficialmente no final dos anos 2000 por Satoshi Nakamoto. Ninguém sabe quem realmente é Nakamoto e acredita-se que este possa ser apenas um pseudónimo de uma ou mais pessoas envolvidas na criação da Bitcoin.

Aliás, vale a pena referir que a Bitcoin é apenas uma das diversas criptomoedas disponíveis no mercado. E foi em janeiro de 2009 que Nakamoto “minerou” – como se chama a compra das moedas digitais – o primeiro bloco de Bitcoin.

Uma caraterística da Bitcoin e outras moedas digitais é a tecnologia Peer to Peer (ou ponto a ponto). Isso quer dizer que a compra e venda de criptomoedas depende da interação de duas pessoas (ou empresas). Isso é feito através de uma Blockchain, que é uma espécie de banco de dados.

O sistema é criptografado e a transação acontece através de uma “corrente de blocos”. Então, ao comprar uma Bitcoin, é como se o comprador usasse uma chave para abrir a fechadura do vendedor. Mas essa chave é única e a transação só é feita se ela encaixar perfeitamente.

Portanto, as compras e vendas de Bitcoin são seguras. Mas isso não quer dizer que sejam imunes a qualquer tipo de invasão ou roubo por hackers. É por isso que recorrer a corretoras de boa reputação pode ser uma boa alternativa para garantir ainda mais a segurança.

Além disso, minerar criptomoedas requer bons equipamentos para suportar os programas responsáveis por captar Bitcoins e outras moedas. Ou então, é possível comprar moedas que já estejam disponíveis no mercado e que já foram mineradas.

Ter um sistema robusto de segurança é essencial. Por isso, as boas empresas que fazem transações podem ajudar os interessados a comprar e vender. Não deixem de pesquisar bons sites no mercado para escolherem uma corretora de confiança e segura.

Criptomoeda e as leis de Portugal

Como falámos anteriormente, uma das caraterísticas das criptomoedas é não passar pelo controlo governamental ou de bancos centrais. Portanto, de forma geral, elas são livres de impostos sobre transações, como acontece com as moedas tradicionais.

Mas em Portugal, Fernando Medina, atual Ministro das Finanças, deseja tributar as mais-valias da venda de Bitcoin e outras moedas. Até ao momento, os compradores não precisam de declarar no IRS as transações feitas com criptoativos.

Já as categorias profissionais e empresariais seriam tributadas pela categoria B do IRS, sobretudo se as transações fizerem parte da área de atuação da empresa. Neste caso, é obrigatório declarar ao governo de Portugal, emitindo notas fiscais e fatura.

Mas o problema que isso pode gerar nos compradores e vendedores de criptoativos é a incerteza quanto ao caráter anónimo das transações. Aliás, esta é outra caraterística das criptomoedas: o anonimato. Portanto, como mantê-lo se houver a necessidade de declarações de quanto, quando e de quem comprou ou vendeu Bitcoin e outras moedas?

Em termos de legislação, muita coisa poderá mudar futuramente, mas, por enquanto, apenas quem vive profissionalmente com criptoativos é que tem obrigações fiscais. Assim, e antes de fazerem qualquer tipo de transação, é importante saber como está a legislação no país e consultar especialistas no assunto.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

- Publicidade -

Relacionados

Criptomoedas vão passar a pagar impostos em Portugal

Mas não existe uma data, o que significa que tanto pode ser um processo rápido... como demorar anos.

Estão a chegar a Portugal lojas físicas para comprar e vender criptomoedas

Os portugueses poderão contar, para já, com duas lojas: uma em Lisboa, outro no Porto.

Comprar casas em Portugal com criptomoedas? Há quem o faça

E por valores ao alcance de poucos.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Gelatieiri. A nova gelateria de Vila Real de Santo António tem gelados bem cremosos

E faz-nos lembrar vagamente a La Romana, que fomos experimentar recentemente em Lisboa.

Chuva de reclamações tapa o Sol da Caparica. Afinal, o que se passou?

Mas as palavras de desagrado do público parecem não ter surtido qualquer efeito junto dos promotores.