Cinco dicas de como utilizar o smartphone para procurar trabalho

Tendo em conta que um smartphone serve para tanta coisa, porque não utilizá-lo para benefício próprio?

- Publicidade -

Seja para jogar, ver filmes ou séries, ouvir música, falar com amigos, fazer pesquisas, efetuar chamadas, entre outras coisas, isto são tudo coisas que fazemos diariamente, ou quase, no nosso smartphone. Porém, muitos não o veem como um dispositivo que serve para procurar emprego, para casos que se aplicam, ou para quem simplesmente procura mudar de empresa. Mas deviam.

Sendo algo tão portátil, acaba por ser bastante inteligente utilizá-lo como ferramenta de trabalho e não somente para uso pessoal, como quando fazemos quando queremos jogar no Bet.pt Casino. Afinal de contas, hoje em dia as plataformas estão otimizadas para estes pequenos ecrãs, pelo que acaba por ser simples e rápido procurar novas oportunidades de trabalho.

De seguida, damo-vos cinco dicas de como utilizar o smartphone para procurar trabalho.

1. Instalem as aplicações certas

Como já demos a entender, o uso prolífero de smartphones veio despoletar o aparecimento de milhões de apps, umas perfeitamente inúteis, outras indispensáveis e ainda outras que são meros clones. Por exemplo, existem apps de headhunters, outras que são especializadas em áreas específicas, outras que ainda trabalham apenas e somente com os ainda tradicionais CV, e até apps que se baseiam em perfis do Linkedin.

Na verdade, podemos dizer-vos que as apps do Facebook, Linkedin e Twitter são, de facto, as melhores soluções para a procura de emprego. Enquanto que, no Linkedin, a rede social é dedicada mais ao networking entre profissionais e respetiva apresentações de propostas de trabalho, no Facebook terão de ir à secção Empregos e definir os filtros, não sendo tão bom neste aspeto. No que toca ao Twitter, convém terem amigos da vossa área por lá, pois poderão partilhar boas oportunidades no vosso ramo.

2. Verifiquem que anexam todos os documentos necessários

Quantas e quantas vezes não nos esquecemos de anexar o CV e a carta de apresentação quando enviamos o típico email de apresentação para uma empresa com a qual estamos interessados em colaborar? No smartphone, é tudo mais imediato: podem (e devem) não só guardar esses ficheiros no armazenamento do próprio dispositivo, como fazer upload para a cloud.

E claro, não se esqueçam de se apresentarem com alguma criatividade quando efetivarem a candidatura.

3. Ativem os alarmes

Num mundo em que tudo muda tão rapidamente, é mais importante do que nunca definir um alarme nos vossos sites ou apps de procura de empregos favoritas. É que dessa forma, assim que surgiu uma nova vaga que se ajusta ao vosso perfil, serão notificados no imediato e poderão submeter, desde logo, a vossa candidatura.

Contudo, não sejam assim tão imediatos, pois isso poderá dar revelar sinais de desespero.

4. Interajam nas redes sociais

Como já referimos anteriormente, ser utilizador assíduo do Facebook e Linkedin é algo fundamental hoje em dia para quem procura emprego. Isso ou não ter perfis criados, de todo. Se estão neste lote… bom, isso significa que os recrutadores não irão descobrir nada sobre a vossa presença online.

Contudo, se não passam um dia sem verificarem as vossas timelines, certifiquem-se de que mostram uma atitude positiva. Interajam e partilhem stories diariamente, pois será uma forma de se darem a conhecer.

5. Preparem-se para as entrevistas

Caso tenham seguido as dicas anteriores, deverão ter sido chamados para várias entrevistas. É fundamental que se preparem bem, pois uma má entrevista, ainda que ninguém duvide das vossas capacidades, pode deitar tudo por terra.

Portanto, aproveitem a portabilidade dos smartphones para efetuar algumas pesquisas sobre a empresa que vos poderá contratar. Verifiquem as redes sociais da companhia, procurem testemunhos de outros candidatos sobre a empresa em questão e não se esqueçam de praticar algumas respostas frequentes que são feitas na maioria das entrevistas.

Boa sorte!

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

60.000 jovens vão poder fazer um Interrail gratuito já em 2022

Poderão viajar por um período máximo de 30 dias.

Chegou o trailer oficial da 3ª temporada de You

E muita coisa vai acontecer nos novos episódios. Depois das primeiras imagens e da data de estreia da terceira temporada,...

10.ª edição do Open House Lisboa leva-nos a descobrir “Os Caminhos da Água” com várias visitas gratuitas na capital e em Almada

25 e 26 de setembro são as datas do regresso do incontornável fim de semana de visitas gratuitas que desafia a percorrer e a desvendar a cidade através da arquitectura.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

60.000 jovens vão poder fazer um Interrail gratuito já em 2022

Poderão viajar por um período máximo de 30 dias.

Chegou o trailer oficial da 3ª temporada de You

E muita coisa vai acontecer nos novos episódios. Depois das primeiras imagens e da data de estreia da terceira temporada,...

10.ª edição do Open House Lisboa leva-nos a descobrir “Os Caminhos da Água” com várias visitas gratuitas na capital e em Almada

25 e 26 de setembro são as datas do regresso do incontornável fim de semana de visitas gratuitas que desafia a percorrer e a desvendar a cidade através da arquitectura.