- Publicidade -

Cinco cuidados a ter em apostas online

-

- Publicidade -

Já é sabido que as apostas online são bastante populares. As apostas desportivas podem ser uma forma de entretenimento inofensiva. No entanto, há quem olhe para este tipo de jogo com maus olhos, pois se não tiverem certos cuidados, as apostas podem fazer mais mal do que bem.

Com isto, reunimos cinco dicas que devem seguir para apostar online com segurança.

1. Joguem em casas de apostas com licença portuguesa

Esta é, talvez, a dica mais importante que devem seguir. Existem diversas casas de apostas online legais em Portugal. Optar por uma dessas vai garantir que jogam numa casa que cumpre com todas as normas de segurança e assegura boas práticas com o apostador. Em casas de apostas sem licença, são inúmeros os relatos de apostadores que tiveram a sua conta encerrada sem conseguirem levantar os seus ganhos.

Brevemente vão existir apostas em cavalos em Portugal. O leque de possibilidades de apostas nestas casas legais tem tido tendência a crescer, pelo que não compensa apostar em casas que não tenham a licença emitida pelo Serviço de Regulação e Inspeção de Jogos (SRIJ).

2. Não apostem no vosso clube favorito

Todos os apostadores têm o seu clube de coração. Pode parecer contra-intuitivo recomendar isto, mas é facil perceber o porquê. Quando se aposta no clube favorito, deixa-se de parte o factor analítico que deve existir nas apostas online. Apostar apenas com base na emoção é um passo certo para o caminho errado.

3. Evitem as apostas múltiplas

Se, por vezes, acertar uma aposta simples já é difícil, imaginem acertar várias ao mesmo tempo… É uma opção comum entre os jogadores, pois a promessa de ganhar muito apostando pouco é aliciante. No entanto, com tudo pesado na balança, não compensa o risco acrescido de incluir mais seleções no boletim de apostas. Basta um resultado, um golo indesejado e todo o dinheiro apostado fica perdido.

A longo prazo, é preferível ganhar pouco de vez quando do que tentar ganhar muito em raras situações.

4. Apostem por diversão

Todos gostamos de receber uns trocos extra ao fim do mês, e, de facto, alguns conseguem fazê-lo com as apostas. No entanto, pode não ser uma meta realista para toda a gente. A perícia nas casas de apostas requer tempo, paciência, prática e, claro, alguma sorte.

Além disso, ter uma renda extra é uma coisa. Abrir conta numa casa de apostas com sonhos de enriquecer está fora de questão.

5. As casas de apostas têm auto-exclusão

Fazer apostas online está sempre à distância de dois ou três cliques. Precisam apenas de um telemóvel ou computador com ligação à internet. Por esse motivo, se sentirem que o jogo se está a tornar um problema, podem sempre pedir para serem excluídos da casa de apostas.

Esse pedido ficará registado com o vosso documento de identificação pessoal, o que dificulta a criação de conta na mesma casa, ou até mesmo em outras casas de apostas legais.

Este é mais um motivo para optarem por casas de apostas com licença do órgão regulador de jogo português, já que, em outras casas ilegais, nada obriga essas marcas a cumprir com o pedido de exclusão do jogador.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

10,241FãsGostar
4,046SeguidoresSeguir
508SeguidoresSeguir

Mais Recentes

Agora já podem receber os deliciosos croquetes da Croqueteria em casa

Muitos lisboetas saberão por esta altura que a Croqueteria, o primeiro spot dedicado ao croquete, tem um espaço físico no Time Out Market Lisboa. O que podem não saber, porém, é que o estabelecimento agora tem um restaurante virtual no COOKOO – The Kitchen Hub.

Há duas novas variedades de chocolates Nestlé Les Recettes de L’Atelier para esta Páscoa

Quem já provou as tabletes da linha Les Recettes de L'Atelier, da Nestlé, certamente que está familiarizado com o sabor característico de cada variedade. Pois bem, e a pensar na Páscoa, a marca lança agora duas novas tabletes.

Pic Solution doou medidores de pressão arterial a hospitais

A Pic Solution destaca ainda a importância de todos os cidadãos estarem atentos e a tomarem todas as precauções no âmbito do Covid-19.

Concertos e festivais reagendados não dão direito a reembolso, diz a Ministra da Cultura

É algo que promete causar polémica, mas é a própria Ministra da Cultura quem o diz. Espetáculos e festivais reagendados não dão direito a reembolso.

Este ano não há nem Festas de Lisboa nem Casamentos de Santo António

Esqueçam as marchas, arraiais e casamentos. Não há Festas de Lisboa em 2020.
- Publicidade -