Nespresso quer atingir a neutralidade de carbono em todas as chávenas de café até 2022

A Nespresso é neutra em carbono em todas as suas atividades comerciais desde 2017 e compromete-se agora a atingir a neutralidade total em carbono na cadeia de abastecimento e ciclo de vida do produto.

neutralidade de carbono
- Publicidade -

Todas as chávenas de café da Nespresso vão ser neutras em carbono até 2022. Pelo menos é esse o objetivo da marca até daqui a dois anos. Esta nova meta dá seguimento a mais de dez anos de trabalho, durante os quais a Nespresso reduziu as suas emissões de carbono e as compensou através da aposta em sistemas agroflorestais.

Tendo já conquistado a neutralidade de carbono nas suas atividades comerciais desde 2017, o novo compromisso da empresa está focado nas emissões que ocorrem na sua cadeia de abastecimento e no ciclo de vida do produto.

A Nespresso vai alcançar a neutralidade de carbono através da redução da emissão de carbono (o objetivo é utilizar 100% de energia renovável em todas as lojas), da plantação de árvores nas plantações de café e nas paisagens envolventes (será triplicada a capacidade de plantar árvores em países produtores de café como a Colômbia, Guatemala, Etiópia e Costa Rica) e, ainda, através de apoio e investimento em projetos de compensação de alta qualidade, ou seja, com a conservação das florestas.

- Publicidade -

Parceiros

Relacionados

Nespresso e estilista Johanna Ortiz juntam-se para uma coleção especial a pensar no Natal

E claro, está também de regresso o Calendário do Advento.

Novos blends Nespresso Ispirazione Novecento e Ispirazione Millennio levam-nos a “viajar no tempo”

Se o difícil vai ser escolher, o melhor mesmo é experimentar os dois.

Nespresso tem quatro novos cafés da gama Reviving Origins para experimentar

Cafés que ainda são difíceis de produzir, mas que a marca garante estar a esforçar-se, juntamente com os seus produtores, para trazê-los com cada vez mais regularidade.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Pingo Doce chega pela primeira vez aos Açores

O sortido do espaço conta com muitos produtos regionais, fruto das parcerias feitas com 129 fornecedores dos Açores.

Continente abre primeira loja em Gouveia

Continua a expansão da marca da Sonae.

Lagoa dos Salgados será classificada como área protegida de âmbito nacional

Há 21 anos que, em Portugal, não era classificada nenhuma área protegida de interesse nacional.