fbpx

Centro de Segurança Google dá dicas para navegar de forma mais segura na Internet

Disponível desde novembro do ano passado em Portugal, o Centro de Segurança Google é um local onde a gigante tecnológica reúne dicas e informações para que todos possamos de navegar de forma mais segura na Internet.

Aqui, a ideia passa por dar aos utilizadores acesso a ferramentas e informação para controlarem a forma como os seus dados são utilizados nos serviços Google. Basicamente, temas como segurança, controlos de privacidade, entre outros, são agora explicados de forma exemplar.

Estas são as principais ferramentas do Centro de Segurança Google:

  • Conta Google – Serve para decidir como usar os nossos dados para termos o máximo partido das ferramentas e serviços Google;
  • Verificação de segurança – Podemos controlar a permissão de apps e dispositivos conectados para manter a nossa conta protegida;
  • Verificação de privacidade – Serve para rever e definir os dados que a Google usa para personalizar a experiência online;
  • Transparência de dados – Aqui podemos ver, alterar os descarregar os nossos dados no Painel de Controlo a qualquer momento;
  • Autenticação em dois passos – Serve para manter a nossa informação segura com uma autenticação que requer dois passos;
  • Modo restrito do YouTube – Filtra conteúdo potencialmente adequado só para adultos;
  • Family Link – Serve para definir as regras para a conta dos miúdos nos dispositivos Android

A Google diz que tudo o que faz está protegido por tecnologias avançadas de segurança integradas que ajudam a detetar e a impedir que ameaças como spam, software malicioso e vírus cheguem até nós, partilhando ainda estas tecnologias com parceiros e com concorrentes.

Por exemplo, na Conta Google, conseguimos aceder a todas as definições sobre informações pessoais, métodos de pagamentos, opções relacionadas com a privacidade, entre outras.  Podemos ainda, por exemplo, ativar ou interromper os serviços Google a qualquer momento nos controlos de atividade.

No fundo, somos nós que decidimos e controla as definições de privacidade adequadas para si próprio e os tipos de dados utilizados.

Um dos destaques deste Centro de Segurança Google é, contudo, para pais e filhos, com o Family Link, como já referido, que ajuda os progenitores a monitorar a navegação online dos mais pequenos.

O Family Link ajuda a compreender melhor a forma como as crianças exploram o mundo online, bem como a gerir as respectivas contas e dispositivos compatíveis. Pode-se definir limites adequados à família ao gerir aplicações, controlar o tempo de utilização, definir uma hora de dormir no dispositivo da criança, entre outras opções.

Acima de tudo, o Family Link serve para definir regras básicas e estabelecer limites, para procurar conteúdos e experiências para os miúdos e, também, para tornar os mais pequenos em cidadãos digitais inteligentes.

A Google deixa ainda duas dicas para nos mantermos seguros no mundo do online:

  • Efetuar a verificação de segunda – É uma ferramenta passo a passo que fornece recomendações de segurança personalizadas e acionáveis;
  • Criar palavras-passe fortes – Podem fazê-lo através de um conjunto de palavras que não esqueçam, mas que seja difícil para outros adivinharem. Sugerem ainda, criar palavras-passe com, pelo menos, oito caracteres.

No evento do passado mês de novembro, onde nos foi dada toda esta informação, ficámos ainda a saber que a Google mantém mais de 3 mil milhões de dispositivos mais seguros, além de verificar diariamente mais de 50 mil milhões de apps na Play Store.


 

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,779FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
629SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Fitness Up lança o que diz ser o maior ginásio online em Portugal

A UPTV tem um custo de 3,90€ por semana. Os primeiros sete dias são gratuitos.

Queima das Fitas de Lisboa acontece este ano em formato digital

"A Queima das Fitas de Lisboa está de volta, desta vez com um formato solidário e digital,...

E porque não aproveitar a quarentena para melhorar a caligrafia?

O Estado de Emergência obrigou-nos a fazer uma pausa no ritmo frenético do estilo de vida habitual. E isto significa que, de momento, surgiram boas oportunidades para iniciar atividades ou hobbies que, até agora, se encontravam por explorar por falta de tempo.

10 dicas para utilizar em apps de socialização

É importante ter em conta que nada é 100% seguro.
- Publicidade -

Mais Recentes

Escola de Medicina da Universidade do Minho lança plataforma de autoavaliação da saúde mental

A Escola de Medicina da Universidade do Minho, em colaboração com o seu Centro de Medicina Digital P5, desenvolveu uma plataforma gratuita que permite fazer uma autoavaliação da saúde mental.

Domino’s Pizza chegou a Leiria

A marca continua a sua expansão por Portugal.