Cartaz do North Music Festival 2021 já está completo

A próxima edição do North Music Festival acontecerá numa altura em que quase toda a população elegível para a vacina contra a Covid-19 já terá a vacinação completa.

- Publicidade -

Depois de conhecidos os nomes das bandas que vão subir ao palco do North Music Festival nos dois primeiros dias, 30 de setembro e 1 de outubro, a organização revela agora o alinhamento completo para o terceiro e último dia de festival, 2 de outubro.

Além dos cabeças de cartaz, The Script, a Alfândega do Porto promete encher-se para receber The Waterboys, GNR, Keep Razors Sharp, Cassete Pirata e Moullinex & Xinobi, que irão fechar em grande a edição deste ano do festival.

Nos outros dias do festival, atuam nomes como Ornatos Violeta, OneRepublic, Linda Martini, Paus, David Fonseca, entre outros.

No que toca aos bilhetes, continuam à venda por 50€ (bilhete diário) e 90€ (passe geral).

Acrescente-se que a próxima edição do North Music Festival acontecerá numa altura em que quase toda a população elegível para a vacina contra a Covid-19 já terá a vacinação completa. Com a vacinação a decorrer a um ritmo acelerado e a superar claramente as metas previamente traçadas, espera-se que, mantendo o ritmo registado atualmente, o festival decorra, e segundo as previsões do Governo e da Task-Force da vacinação, com 85% da população já com a vacinação completa.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

North Music Festival já tem datas e passa para maio de 2022

E já tem nomes confirmados, embora somente da música portuguesa.

North Music Festival dá o dito por não dito e já não se realiza nas datas previstas

Por enquanto, não há novas datas para o festival se realizar.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Inaugurado primeiro Espaço Cidadão numa unidade de saúde

Algo que vem facilitar ainda mais a vida aos cidadãos.

Clockwork Aquario – Uma nova oportunidade para este clássico perdido

Anteriormente cancelado, o título da Westone regressa à vida graças à conversão da Inin Games.

Crítica – Resident Evil: Welcome to Raccoon City

Infelizmente, ainda não foi desta que surgiu um filme genuinamente bom de uma adaptação de Resident Evil para o grande ecrã.