Bruxelas, Londres e Paris entre os piores destinos para viajar de avião nas férias de Natal

por Echo Boomer

É o que diz um estudo da AirHelp, empresa especializada na defesa dos direitos dos passageiros aéreos e líder mundial na obtenção de compensações por perturbações em voos.

No ano passado, na época natalícia – entre 22 de dezembro de 2017 e 3 de janeiro de 2018 -, a empresa percebeu que, no top 10 de viagens internacionais, encontram-se apenas cidades europeias, muito provavelmente devido devido à maior proximidade e acessibilidade dos preços dos bilhetes.

Assim, Bruxelas, Londres e Paris foram as cidades que menos respeitaram a pontualidade, isto é, muitos dos voos que partiram dessas cidades chegaram ao destino com atraso. Pela positiva, destacam-se Amesterdão (Schiphol) e Barcelona (El Prat), com taxas de pontualidade de cerca de 75% e 73%, respetivamente.

Em relação a voos que partem dos principais aeroportos portugueses, claro que os do Porto e de Lisboa, que têm bastante mais partidas que os aeroportos de Faro e Madeira, apresentam a pior média: 43% e 40% das partidas chegam ao destino com atraso, respetivamente.

Ainda de acordo com os dados recolhidos pela AirHelp no Natal de 2017, os domingos são o melhor dia para viajar, uma vez que 87% dos voos que se realizaram nesses dias chegaram ao destino dentro do horário previsto. Curiosamente, o pior dia para andar de avião é mesmo ao sábado, já que 50% dos chegam ao destino com atraso.

Também se ficou a saber que o pior horário para viajar é ao princípio da tarde, com 39% dos voos que partem entre as 12h00 e as 15h59 a não chegarem no horário previsto. Já o horário das 16h00/21h59 surge no topo da pontualidade, com uma taxa de sucesso de cerca de 66%.

Já sabem, no caso de atrasos superiores a três horas, cancelamentos de voos ou impedimento de embarque, podem ter direito a uma compensação até 600€ por pessoa, em determinadas circunstâncias, além do agendamento de nova viagem ou do reembolso do bilhete.


Também pode interessar

Deixar uma resposta

O Echo Boomer utiliza cookies para dar a melhor experiência possível aos nossos leitores. Aceitar Ler mais

%d bloggers like this: