Bordalo II cria instalação artística em parceria com a National Geographic

- Publicidade -

Inspirado na nova série do National Geographic, One Strange Rock, que se debruça sobre a história do planeta Terra contada por astronautas, o artista Bordalo II desafia a sua própria visão sobre o planeta na criação de uma instalação construída com plásticos e lixo encontrado pelos pescadores do concelho de Cascais e noutros locais. A obra está exposta na praia de Carcavelos até 2 de abril.

O nosso planeta é raro demais para não cuidarmos dele, para deixar que se torne lixo: é este o ponto de partida de Bordalo II para a criação de uma obra inspirada em One Strange Rock. Com cerca de 4 m de largura, 8 m de comprimento e 2,5 m de altura e utilizando cerca de 300 kg de desperdícios recolhidos em 3 dias, a obra está exposta com o objetivo de alertar para a importância de proteger os nossos oceanos e este que é o único planeta conhecido com vida.

One Strange Rock levou mais de dois anos a ser produzido em 195 localizações e foram recolhidas imagens suficientes para uma maratona de filmes com a duração de 22 anos. Os produtores tiveram acesso a zonas onde foram proibidas câmaras durante anos, como por exemplo no templo Wat Phra Dhammakaya, na Tailândia, filmaram em alta velocidade na Estação Espacial Internacional a mais de 28 mil km/h, exploraram uma localização secreta no Novo México a 489 km debaixo do solo, captaram imagens de cianobactérias até às gigantes baleias azuis e percorreram locais extremos desde os mais gelados, como Kangiqsujuaq, no Canadá, aos mais quentes, como a Depressão de Danakil, na Etiópia.

Composta por 10 episódios, One Strange Rock é exibida aos domingos às 22h30.


- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes