A Razer apresenta um dos seus teclados mais compactos com o novo BlackWidow V3 Mini HyperSpeed

“Querida, encolhi o teclado.”

- Publicidade -

Mais pequeno, mais compacto, mais portátil e recheado com as melhores tecnologias da Razer. Assim é o novo BlackWidow V3 Mini HyperSpeed, o mais recente membro da família de teclados da popular marca de periféricos.

É 65% mais pequeno que o modelo tradicional, uma vez que não possui um teclado numérico, com a aposta da marca a ir para atalhos e uma disposição de teclas a pensar na otimização de utilização e na poupança de espaço.

Este modelo chega também sem fio e incorpora tecnologia HyperSpeed, através de um único adaptador compatível com outros dispositivos, como os ratos.

Também com ligação Bluetooth, o BlackWidow V3 Mini HyperSpeed torna-se facilmente compatível e ligável a vários dispositivos, contando com uma bateria interna com alcance de 200 horas de uso, com um único carregamento via USB-C.

Disponivel com switches amarelos ou verdes, o BlackWidow V3 Mini HyperSpeed conta com muita personalização via Razer Synapse 3 e tem, obviamente, iluminação Razer Chroma RGB.

O novo BlackWidow V3 Mini HyperSpeed já se encontra disponível a partir de 189,99€.

Fonte:Razer
- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Razer vai de mala cheia à E3 com o ultra-portátil mais avançado de sempre

E com um novo monitor e uma máscara de proteção avançada.

Os Razer Opus X apresentam-se em diferentes cores

Um dos melhores auscultadores da Razer estão mais coloridos e baratos.

A Razer aposta na limpeza dos oceanos com parceria com a ClearBot

Dos equipamentos para jogadores à luta por um mundo mais saudável.

A Razer revela uma nova cadeira para “gaming a sério”

Podem não jogar melhor, mas vão jogar com maior conforto.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Há um novo restaurante Burger King em Alcochete

É o primeiro na zona e o 10º no distrito de Setúbal.

Serviços públicos essenciais obrigados a ter linhas telefónicas gratuitas

As empresas têm agora até ao próximo dia 1 de novembro para fazer cumprir este decreto-lei.