Aumento histórico da dotação financeira para os atletas portugueses a pensar nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Paris

- Publicidade -

Em relação ao programa de Tóquio2020, as verbas para o próximo ciclo olímpico aumentam 18,4%, enquanto no paralímpico cresceram 32,9%.

A Ministra Adjunta e dos Assuntos Parlamentares, Ana Catarina Mendes, destacou esta semana o aumento histórico na dotação dos contratos-programa olímpico e paralímpico para Paris2024, assinados numa cerimónia no Centro de Alto Rendimento de Ténis do Jamor, Oeiras.

A Ministra referiu “o esforço que foi feito pela parte do Governo” para aumentar a dotação financeira destes programas, afirmando que “a assinatura destes dois contratos, que nos levarão até Paris2024, é o sonho concretizado de um aumento histórico na preparação destes dois programas, para um total de 31,2 milhões de euros”.

Em relação ao programa de Tóquio2020, as verbas para o próximo ciclo olímpico aumentam 18,4%, enquanto no paralímpico cresceram 32,9%.

Para os Jogos Olímpicos de Paris, foram aprovados 22 milhões de euros, enquanto para Tóquio tinham sido aprovados 18,55 milhões, que foram reforçados em quatro milhões devido ao adiamento da sua realização para 2021 por causa da pandemia de Covid-19.

Para os Jogos Paralímpicos de Paris, foram aprovados 9,2 milhões de euros, enquanto para Tóquio tinham sido aprovados 6,92 milhões, com um acréscimo de 1,2 milhões pela mesma razão.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes