Assassin’s Creed Valhalla vai chegar uma semana mais cedo

O próximo jogo da saga não vai falhar o lançamento na nova Xbox.

Assassin's Creed Valhalla
- Publicidade -

A Microsoft revelou que as suas novas consolas vão chegar no dia 10 de novembro e, agora, a Ubisoft antecipa o lançamento de Assassin’s Creed Valhalla, de modo a que os fãs que adquiram a Xbox Series S e Xbox Series X possam começar logo a jornada de Eivor.

Esta antecipação tem efeitos no lançamento geral do jogo, com a Xbox One, o PC (via Epic Games Store e Uplay+) e a PlayStation 4 a receberem o jogo no mesmo dia. Já a versão da PlayStation 5 chegará assim que a consola estiver disponível.

Com a mudança de data, a Ubisoft também revelou as melhorias de Assassin’s Creed Valhalla nas novas consolas, que incluem suporte de resolução 4K a 60fps na Xbox Series X, texturas de altas resoluções, sobras melhoradas e maior detalhe no mundo.

O jogo irá também suportar Smart Delivery, o que significa que, quem comprar o jogo para a Xbox One, poderá mais tarde continuar a sua aventura sem custos adicionais quando passar para uma das novas Xbox Series S ou X.

Fonte:Ubisoft
- Publicidade -

Sigam-nos

12,770FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

Assassin’s Creed Valhalla já pode ser jogado a 60fps na Xbox Series S

A nova atualização inclui melhorias para todas as versões.

Veste-te para Valhalla com a nova coleção da Reebok inspirada no novo Assassin’s Creed

A Reebok e a Ubisoft uniram forças para uma nova coleção desportiva.

Assassin’s Creed Valhalla recebe um longo vídeo cheio de detalhes

São mais de sete minutos de informações sobre a nova aventura da saga. https://youtu.be/oVDvTi4JKks Assassin’s Creed Valhalla está quase a chegar,...
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Há quase 30 exclusivos de consola a caminho da Xbox em 2021

Com duas pequenas exceções, o ano de 2021 vai encher a Xbox One e as Xbox Series X|S de exclusivos.

Crítica – Servant (Primeiros Sete Episódios da 2ª Temporada)

Uma segunda temporada menos viciante que a primeira, mas Servant continua a possuir todas as caraterísticas que definiram o sucesso da série.