fbpx

Apple revela oficialmente o iPhone X

Depois de tantos rumores, confirmou-se o que foi saindo na Internet. A Apple apresentou o iPhone 8, iPhone 8 Plus e uma edição especial conhecida por iPhone X. Nunca antes a marca tinha apresentando tantos iPhones num único evento. Houve ainda espaço para o Apple Watch 3 e a Apple TV 4K darem um ar de sua graça.

O evento, o primeiro a ser feito no novíssimo anfiteatro Steve Jobs, incluído na sede nave-espacial Apple Park, situada em Cupertino, na Califórnia, Estados Unidos, revelou o que já muitos sabiam, neste caso, uma atualização esperada e anual dos smartphones da maça, mas, em jeito de comemoração do lançamento do primeiro iPhone, também um iPhone especial com ecrã estendido e com preço base acima dos mil euros. Pois é, não é para todas as carteiras.

iPhone X

Começando pela edição especial, este foi, provavelmente, o iPhone mais aguardado da história da Apple, sem contar com o original, claro está. E é o melhor de sempre. Conhecido como iPhone X (diz-se 10), o seu belo design totalmente renovado mostra que estamos realmente perante um dispositivo premium – vidro à frente e atrás – e que se distancia da linha iPhone 8.

Aqui temos um ecrã HDR Super Retina edge-to-edge de 5,8 polegadas com resolução 2436 x 1125 pixéis, tecnologia Dolby Vision e HDR10, 3D Touch e 458ppi, e, pela primeira vez na história dos equipamentos Apple, um iPhone com ecrã OLED, que permitirá cores mais vivas e vibrantes do que os atuais ecrãs LCD que a marca da maça vinha usando desde então.

Mas calma, falámos sobre um ecrã estendido. Isto significa que o tão famoso botão Home viu aqui a sua morte. Agora, para usar o iPhone, não há botão, basta tocares no ecrã, e, deslizando o dedo de baixo para cima, consegues aceder ao ecrã inicial.

Podes, também, usar a câmara frontal que permitirá que o dispositivo se desbloqueie através da tecnologia de reconhecimento facial, conhecida aqui como Face ID. Para que em ambientes de pouca luz a coisa também funcione, a câmara frontal do iPhone dará uso ao sensor de infravermelhos. O melhor de tudo é que não precisas de ficar a olhar diretamente para a câmara para que desbloqueies o equipamento.

E o quão seguro é este sistema? Bem, a Apple referiu que existe apenas uma hipótese em um milhão de alguém mal intencionado conseguir usar o iPhone sem autorização. Bem, a primeira tentativa de desbloqueio de Craig Federighi não correu bem, mas à segunda tentativa lá tudo decorreu com normalidade.

À partida, qualquer ângulo permitirá que desbloqueies o terminal, mas, sabendo-se que a Apple adquiriu a empresa israelita Realface no início do ano, só podemos esperar coisas boas desta funcionalidade.

Acompanhando a evolução do mercado, e a provar que o uso de um software próprio não obriga à utilização de recursos não necessários, o iPhone X traz um poderosíssimo processador A11 Bionic (dois núcleos Monsoon de alto processamento e quatro núcleos Mistral de grande eficiência), o que deverá servir para fulminar a concorrência, câmara dupla com dois sensores de 12MP com aberturas de f/1.8 e f/2.4 e estabilização ótica dupla, 3GB de RAM, 64/256GB de memória interna, bateria de maior capacidade (mais duas horas de autonomia em relação ao iPhone 7) que pode ser carregada via wireless e de forma extremamente rápida, Bluetooth 5.0, altifalantes stereo, e, ainda, resistência melhorada a água e poeiras.

Poderás fazer a pré-reserva do iPhone X a partir do próximo dia 27 de outubro, sendo que estará disponível (em quantidades limitadas) a partir de 3 de novembro. O preço para a versão mais barata (64GB) será de 1179€ e a versão de 256GB terá um custo de 1359€.

iPhone 8 e iPhone 8 Plus

Acabaram por perder o destaque para o membro mais recente da gama iPhone. Nestes iPhone 8 e iPhone 8 Plus não há ecrã estendido (nem tecnologia OLED), mas há botão Home na mesma, portanto, podes desbloquear o dispositivo como tens feito até agora. E, com a nova traseira em vidro, os iPhones 8 e iPhone 8 Plus suportam carregamento wireless.

Trazem o processador A11 Bionic, ecrã Retina melhorado de 4,7 polegadas (iPhone 8) e 5,5 polegadas (iPhone 8 Plus), altifalantes stereo, novo GPU desenhado pela Apple e melhorado em 30% em relação ao anterior, e, ainda, um novo e mais eficiente sensor fotográfico traseiro de 12MP com OIS no iPhone 8 e câmara dupla traseira de 12MP no iPhone 8 Plus. A Apple diz mesmo que a câmara traseira do iPhone é a melhor do mercado na gravação de vídeos.

Portanto, nada de verdadeiramente inovador, melhorias mais que esperadas e que acontecem todos os anos com novos modelos do iPhone.

Estarão disponíveis com 64/256GB de memória interna, sendo que a versão iPhone 8 custará 829€ e 1009€, respetivamente, e o iPhone 8 Plus terá um preço de 939€ e 1119€, respetivamente. Podes reservar a partir de 15 de setembro, estando disponível nas lojas a partir de dia 22 de setembro.

Segue-nos nas redes sociais no FacebookTwitter e Instagram.

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,781FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
629SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

WWDC 2020. Novos sistemas operativos e um novo processador foram as novidades apresentadas pela Apple

Num formato totalmente digital, o evento anual da Apple mostrou-nos ainda uma nova Siri e a possibilidade de desbloquearmos o carro com o iPhone.

Equipamentos Apple recondicionados pela Forall Phones estão à venda nas lojas CTT

Para já, somente três lojas dos CTT terão um expositor da Forall Phones.

Saudades do iPhone SE? Apple acaba de apresentar uma nova versão por 499€

Abril de 2020 vê chegar ao mercado um novo iPhone SE. Pensem nele como um iPhone 8, mas com o mais recente processador da Apple.
- Publicidade -

Mais Recentes

“Compra um, recebe outro grátis” é a nova campanha da Ryanair

A decorrer até às 23h59 de hoje, 24 de setembro, a companhia aérea irlandesa promove assim a sua primeira oferta 2 por 1 de sempre.