Apple anuncia novo processador M2. Os preços dos novos Macbook não vão agradar

- Publicidade -

Lembram-se do preço do Macbook Air em 2020, quando o M1 foi anunciado? Podem-lhe meter mais 400€ em cima com a nova versão.

Estávamos em novembro de 2020 quando a Apple anunciou o que os rumores já vinham a dizer há algum tempo: a aposta em processadores próprios, com tecnologia ARM, num ecossistema mais conhecido como Apple Silicon. Daí surgiu o primeiro processador, o Apple M1, que viria a equipar as novas máquinas, como o Mac Mini, Macbook Air, Macbook Pro e iMac.

Na altura desse anúncio, logo se ficou a saber o preço base do novo Macbook Air, que era de 1.159€. Ora, cerca de um ano e meio depois, na Apple Worldwide Developers Conference 2022, a Apple anunciou a segunda geração do seu Apple Silicon, o M2, e os preços escalaram imenso. Tanto que o Macbook Air com M2 e especificações base custa 1529€. Uma diferença de 370€ entre gerações.

Em todo o caso, tem tudo para ser um sucesso de vendas. Com um design ultrafino – 1,13 cm e espessura e 1,24 kg de peso – e estrutura em alumínio resistente e 100% reciclado, o novo Macbook Air foi reimaginado a pensar no novo processador M2, que, à semelhança da versão anterior, não necessita de ventoinha – o Macbook Pro, por exemplo, precisa.

De acordo com a Apple, o Macbook Air com M2 é até 1,4x mais rápido que o Macbook Air com M1, conseguindo até 18 horas de autonomia. Este M2 tem um CPU de oito cores e um GPU de até 10 cores, sendo capaz de processar mais streams de vídeo ProRes em 4K e 8K. Em todo o caso, só mesmo testes reais para se comprovar a diferença, até porque existe a versão M1 Pro e M1 Max da primeira geração do Apple Silicon.

De resto, o novo Macbook Air tem um ecrã Liquid Retina de 13,6 polegadas com resolução nativa de 2560×1664 com 224 píxeis por polegada e 500 nits de luminosidade, opções de 8/16/24 GB de RAM, disco SSD que vai dos 256GB aos 2TB, uma muito bem vinda Câmara Facetime Full HD (finalmente) e o regresso de carregamento através de MagSafe 3, o que deixará as duas portas Thunderbolt/USB 4 disponíveis para outras coisas.

O novo Macbook Air M2 fica disponível a partir de julho, sendo que os preços começam, como já referimos, nos 1.529€. Quanto ao Macbook Pro de 13″, não temos muito a dizer. Também sofre o mesmo upgrade, continua a apresentar a Touch Bar e, lamentavelmente, continua a apresentar uma Câmara Facetime com resolução apenas HD. Qual é o sentido de, em pleno 2022, e sabendo que o Macbook Air tem uma câmara 1080p, este novo Macbook Pro de 13″ continuar somente com uma câmara do passado? Lamentável.

iOS 16, MacOS Ventura, iPadOS 16 e watchOS 9

MacOS Ventura

Sendo um evento pensado para programadores, a marca da maça aproveitou para diversos teasers às próximas versões dos seus diversos sistemas operativos.

Começando pelo iOS 16, promete novas opções de personalização e formas ainda ainda mais simples de comunicar e partilhar. Por exemplo, será possível personalizar o ecrã bloqueado com fotografias, widgets e notificações. Poderão partilhar fotografias e vídeos com família e amigos usando a nova Fototeca. E poderão também destacar momentos do dia a dia com as novas funcionali­dades das Mensagens e do Mail.

Outra coisa ótima? Textos em vídeos serão detetáveis. Por exemplo, poderão parar um vídeo que apresente uma imagem com texto para que, a partir daí, possam usar as opções de cópia, tradução, procura, partilha e muito mais. Têm tudo ao detalhe aqui.

Já o MacOS Ventura, bom, tem um subnome infeliz, mas traz uma funcionalidade fantástica: Stage Manager. Basicamente, esta nova funcionalidade reúne as apps e janelas numa única vista, sendo que bastará um clique para navegar entre apps e janelas. Depois, é só selecionar qualquer ponto da secretária para voltar ao ficheiro ou pasta anterior.

Há também novidades no Mail, no Spotlight, no Safari… Está tudo ao detalhe aqui.

Já o iPad OS 16 conta também com o Stage Manager, o que não deixa de ser incrível, e poderão até ligar um monitor externo e arraste ficheiros de um dispositivo para o outro. Por último, o watchOS 9 permitirá personalizar ainda mais o vosso relógio com novos mostradores, além de ter uma app Treino melhor com mais funcionalidades e uma nova app Medicação para gerir e controlar os medicamentos que têm de tomar.

Quanto a datas de lançamento, estas novas versões ainda devem demorar uns meses.

- Publicidade -
- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Apple apresenta novos Macbook Pro com processador M1 Pro e M1 Max

É todo um novo nível de processamento... com o devida subida de preço.

Do iMac para o Mac Mini M1. O melhor e o pior da minha atualização

Com vários prós e contras, a Apple conseguiu aqui um belo equipamento.

WWDC 2021: FaceTime chega ao Android e Windows e novo Apple Maps chega em breve a Portugal

As versões public beta do iOS 15 serão disponibilizadas já no próximo mês de julho.

Siri revela novo evento da Apple para 20 de abril

Ao invés de ser a empresa propriamente dita a anunciar, foi a assistente virtual a adiantar-se.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Vila Galé em Tomar deverá estar pronto até novembro de 2023

E será uma unidade hoteleira de cinco estrelas.

Arcade Fire no Campo Pequeno – A música vence sempre?

A banda canadiana recordou-nos que é obreira de alguma da melhor música das últimas duas décadas. O resto? Pois, o resto logo se verá.