fbpx

Apalpar fruta nas feiras semanais? Esqueçam lá isso

As feiras semanais voltaram a concretizar-se esta semana. Mas com muitas e novas regras.

feiras semanais

Muitos feirantes já se encontravam desesperados. Muita gente já sentia falta de comprar produtos nas feiras e ajudar o comércio local. Mas, até então, não existiam condições para que as feiras semanais pudessem concretizar-se.

Porém, e com a fase de desconfinamento, as feiras começaram novamente a realizar-se no início desta semana. Um pouco por todo o país, já é possível visitar aquelas feiras que tão bem conhecemos, mas com muitas e novas regras.

Por exemplo, a realização de cada feira está condicionada ao cumprimento de todas as normas e recomendações definidas pela Direção-Geral de Saúde (DGS), tendo os comerciantes que obedecer a um conjunto de normas de funcionamento específicas, que visam garantir as condições de segurança e higiene no exercício da sua atividade.

O que é que isto quer dizer? Na prática, tanto os feirantes como os clientes têm de usar máscara, devendo ainda os clientes de respeitar entre si a distância social de segurança de dois metros no momento de visita aos stands para fazer as compras.

Ainda no que toca aos clientes, devem evitar tocar em objetos e superfícies, não devendo estar mais de duas pessoas por bancada/espaço de atendimento dos feirantes. Ou seja, esqueçam aqueles hábitos de apalpar os produtos e as frutas. Isso agora não deve ser feito, embora os feirantes reconheçam que será impossível controlar tudo isso.

Estes, por sua vez, devem ter desinfetante nos seus espaços/bancadas/tendas para uso próprio e dos clientes, tendo ainda de desinfetar as superfícies da zona de venda que usarem ou que estiveram em contactos com os clientes. E claro, deverão também higienizar as mãos no início e no final de cada atendimento.

E quanto ao pagamento? Deve-se evitar ao máximo o uso de numerário, embora isso possa ser difícil, principalmente para feirantes já com alguma idade e que não estão a par das mais recentes tecnologias. Por exemplo, fazer pagamentos via MB Way seria uma boa solução.

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,786FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
630SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Já se pode comprar produtos de saúde e bem-estar na Uber Eats

O serviço de entrega de refeições da Uber faz cada vez mais concorrência à Glovo.

Já podemos fazer compras de mercearia e receber produtos de conveniência através da Uber Eats

Podemos dizer que o final de abril traz uma grande novidade para a popular aplicação de entrega de refeições da Uber.

E.Leclerc garante não aumentar os preços de 3.500 produtos de marca própria

Na prática, quer isto dizer que, enquanto se atravessar este momento de estado de emergência, seja qual for a data de fim do mesmo, esses preços não vão aumentar.
- Publicidade -

Mais Recentes

Análise – Tony Hawk’s Pro Skater 1+2

Tony Hawk Pro Skater 1+2 é o renascer de dois clássicos compilados num só jogo, prometendo diversão para muitas horas.

Chegou ao mercado a primeira cápsula biodegradável e compostável da Kaffa

Sabiam que 50% da gama KAFFA Biodegradável e Compostável é produzida com café biológico?