Antiga cabine telefónica dá lugar a uma cabine de leitura em Aveiro

- Publicidade -

Já são mais de 45 cabines de leitura em todo o território nacional.

​​É em Cacia, no município de Aveiro, que nasceu mais uma cabine de leitura a partir de uma antiga e tradicional cabine telefónica. A iniciativa surge da aposta da Altice Portugal, através da sua Fundação, na valorização da leitura como direito humano e condição do livre exercício da cidadania cultural.

A nova microbiblioteca de Cacia, situada no município de Aveiro, está instalada numa antiga cabine telefónica que foi requalificada e reconvertida para fins pedagógicos e culturais. A localidade ganha desta forma um ponto de interação e de dinamização cultural com os leitores de Cacia.

“Levar, doar, ler, devolver.” Este é o mote que dá vida a mais de 45 cabines de leitura distribuídas um pouco por todo o território nacional e às quais se junta agora a nova cabine inaugurada em Cacia. Através de parcerias com diversas entidades, a Fundação Altice assegura a adaptação destes ícones do mobiliário urbano das telecomunicações, onde o telefone público dá lugar a livros. Criam-se, assim, espaços dedicados à difusão da leitura ao serviço das comunidades.

A reconversão de cabine​s telefónicas antigas inspira-se num movimento iniciado na pequena aldeia de Westbury-sub-Mendip, no sudoeste de Inglaterra, onde os moradores procuraram transformar uma das cabines telefónicas classicamente encarnadas nas mais pequenas bibliotecas do mundo. Em Portugal, este projeto iniciou-se pela mão da Fundação Altice, em 2013.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Relacionados

- Publicidade -

Mais recentes