Análise – TV LG Super UHD 55SJ850V

por Echo Boomer

Sejam bem vindos à primeira análise de gadgets aqui do Echo Boomer. E vamos começar em grande. Mais precisamente com 55 polegadas, ou 139 cm, que é o tamanho da tela da televisão Super UHD que a LG, muito simpaticamente, enviou-nos para teste durante três semanas.

O que não falta no mercado são televisões de todos os tamanhos e feitios, mas, volta e meia, existem modelos que se destacam. No caso da LG, temos a 55SJ850V, que, apesar do seu tamanho gigantesco, é a televisão mais pequena da série de meia gama SJ85. De salientar que esta TV ganhou recentemente o prémio de melhor LCD TV-2017-2018 na European Imaging and Sound Association (EISA).

As nossas primeiras impressões foram de espanto. Primeiro, devido ao seu tamanho nos diversos espaços onde a montámos, e, depois, pelo seu design simples e bonito, apesar do plástico (embora com acabamento premium) na parte traseira. Se pudéssemos dividir esta televisão por partes, teríamos a sua bela traseira branca, um pé em forma de arco bastante estável e a sua tela rectangular. Não há botões visíveis, apenas ecrã.

Nos dias de hoje procura-se uma televisão “invisível” e que seja uma janela ou um portal para outros mundos. No caso da 55SJ850V, somos presenteados com uma moldura extremamente pequena, com apenas 0.9 cm, oferecendo, assim, uma televisão que é só ecrã.

Base da LG Super UHD 55SJ85Controlos da LG Super UHD 55SJ85Tamanho da LG Super UHD 55SJ85Moldura da LG Super UHD 55SJ85

Na nossa análise, tivemos oportunidade de experimentar um pouco de tudo a nível de conteúdos. Filmes, jogos, séries, serviços de streaming, etc. Mas apesar da 55SJ850V suportar resoluções 4K (3840x2160px) e tecnologia HDR (High Dynamic Range), a nossa primeira experiência foi feita com um blu-ray, mais precisamente o filme Interstellar, cuja imagem é “apenas” 1080p.

Assim que o filme começou, percebemos que, apesar de não estarmos a tirar partido da tecnologia de topo da televisão, estávamos perante algo fantástico. A imagem aparecia bem definida, as cores estavam muito naturais e as diferenças entre cenas claras e escuras muito bem balanceadas.

Depois foi a vez de testar o 4K e a tecnologia Active HDR da LG. Este foi o nosso primeiro contacto com ambas as tecnologias, e, apesar de parecerem chavões para vender televisões, na realidade são características que marcam a diferença e podem ser decisivas para o investimento numa televisão, quer seja a pensar na qualidade de imagem que se vai retirar da televisão ou nos futuros conteúdos que vamos tendo acesso em maiores quantidades.

55SJ850V não só faz um excelente trabalho a esticar imagens de resoluções mais pequenas para 4K (upscaling), como a apresentação de filmes e imagens, na resolução nativa de 4K, é brilhante e muito bem definida. Esta excelência na qualidade de imagem é garantida pelo seu painel IPS de 10 bits com filtros Nano Cell, conseguindo um aumento no leque de cores e na melhoria na qualidade de imagem ao nível do contraste.

Já para podermos tirar partido da tecnologia HDR, não é só a televisão que precisa de estar tecnologicamente preparada para tal, mas também os conteúdos. Isto porque o HDR mostra muito mais cores do que aquelas a que estamos habituados, e esses conteúdos necessitam de ter essa informação adicional.

Durante as três semanas que a 55SJ850V esteve connosco, testámos esta tecnologia com filmes 4K, como La La Land, Rogue One: A Star Wars Story e Patriots Day, e videojogos, como Horizon: Zero Dawn e Uncharted 4 (ambos para PlayStation 4), que oferecem suporte HDR nativamente. No caso dos filmes, demorámos a reparar nos seus efeitos, mas, assim que começámos a ter imagens com um maior leque de cores ou com muito contraste, a experiência tornou-se incrível. Isto fez com que fossem várias as vezes em que pausámos os filmes para reparar em pequenos detalhes escondidos em sombras, ou, simplesmente, para “namorar” as cores. E, perto ou longe, é impossível não ficarmos impressionados.

Nos dois jogos foi bastante simples de comparar. Bastava desligar nos menus de cada um o modo HDR, algo que a certa altura se tornou difícil, porque só queríamos jogar com o HDR ligado.

Mas então e o conteúdo que não tem suporte? Para uma experiência ideal, e tendo oportunidade para tal, diríamos para escolherem sempre filmes e jogos com HDR. No entanto, o conteúdo normal não se fica nada atrás, graças ao processamento de imagem da televisão e aos diferentes modos de imagem que podemos escolher. Por exemplo, a TV vem com TruMotion, que ajuda a eliminar arrastos de imagens em cenas de grande movimento.

Infelizmente nem tudo são rosas. Um dos aspetos mais negativos da televisão fica-se no reflexo da tela. Nos dois setups que usámos, havia uma janela do lado esquerdo da TV ou na parede à sua frente. Apesar de ter sido sempre possível ver as imagens sem problemas, bastava que nos colocássemos um pouco mais de lado, ou abríssemos mais as janelas, que estas refletiam muito mais do que o ideal.

Jogos na LG Super UHD 55SJ85Design LG Super UHD 55SJ85Reflexos LG Super UHD 55SJ85Comando da LG Super UHD 55SJ85

Impressionante também é o som da 55SJ850V. Para este modelo, a LG aliou-se à Harman Kardon, oferecendo uma experiência sonora com uma qualidade muito acima da média e capaz de dar bigode a alguns sistemas stereo mais convencionais. Seja um filme, jogo ou até o sinal normal de televisão, o som apresenta-se forte, cristalino e bastante envolvente. Obviamente que continua a faltar um baixo de um subwoofer dedicado, mas o som da televisão tem qualidade suficiente para nos fazer esquecer a vontade de querer um pequeno sistema em separado. A nível de modos, existem menus equalizadores, modos dinâmicos e não faltam configurações para ligar a outros sistemas de som por cabo ou por Bluetooth.

Já existente noutros modelos, continua a adição fantástica do Magic Remote da LG, que nos coloca na pele de um “Harry Potter” a controlar a televisão. No fundo, este comando permite que a nossa televisão seja controlada ao apontar para o ecrã, tal como um rato de computador, tornando a experiência imensamente orgânica.

Com este comando, e graças ao sistema WebOS 3.5, podemos navegar pela Internet, navegar nos menus do Netflix, Youtube e Amazon Prime e explorar pequenas funcionalidades extra como o modo 360 graus em imagens e vídeos panorâmicos. É tão fácil e intuitivo de usar – o rápido processador ajuda bastante – que só a navegação pelos menus recebe nota 5.

Apesar de tudo, o primeiro contacto com a televisão pode também ser avassalador com a quantidade de opções que oferece por ser extremamente completa. Isto também refletiu-se assim que se pegou no comando para explorar as entradas de sinal e as características de imagem.

As opções de imagem pré-definidas são aceitáveis, mas podem nem sempre ser as ideais para os olhos de cada utilizador. Esta aprendizagem inicial torna-se numa experiência por si só, que apenas utilizadores mais experientes poderão tirar total partido.

A nível de portas, a 55SJ850V apresenta-se completa, mas sem nada que se destaque. Temos quatro portas HDMI (inclui uma HDMI ARC (Aúdio Return Channel)), três portas USB com uma USB 3.0, portas de áudio óticas, porta de satélite e antena e ligação de rede ethernet. É ainda possível ligar a televisão à Internet via Wi-Fi e a dispositivos periféricos (como um teclado ou uma coluna de som) via Bluetooth.

Somando a nossa experiência às características, foi fácil perceber para quem se destina a 55SJ850V. Esta proposta da LG é destinada para o consumidor que procura uma televisão a pensar no futuro, para utilizadores que querem um sistema media center unificado sem pensar em equipamentos extra e que querem chegar a casa e fazer binge watching na Netflix com a melhor qualidade possível, e, por fim, a utilizadores aficionados e experientes que sabem explorar e dar uso de tudo que a televisão tem para dar.

No fim do dia, não há outra palavra que nos venha à cabeça a não ser “Excelência”. Apesar de ser um equipamento de média gama, apresenta-se como uma televisão de topo e não há tecnologias 3D ou ecrãs mais finos que papel que substituam a experiência que a SJ85 é capaz de proporcionar.

A LG Super UHD 55SJ85 já se encontra no mercado com um preço recomendado pela marca de 1799€, sendo possível encontrá-la mais barata em promoções como a das lojas Worten.

O equipamento foi cedido para análise pela LG Portugal.

Segue-nos nas redes sociais no FacebookTwitter e Instagram.

Também pode interessar

Deixar uma resposta

O Echo Boomer utiliza cookies para dar a melhor experiência possível aos nossos leitores. Aceitar Ler mais

%d bloggers like this: