Análise – Super Mario 3D All Stars

O melhor de Super Mario em 3D a triplicar.

Super Mario 3D All Stars

Super Mario está de parabéns. Este ano celebra o seu 35º aniversário, mas são os fãs que recebem as prendas, neste caso com o relançamento de três dos seus jogos mais importantes do seu legado, em particular na era do 3D.

Super Mario 3D All Stars leva até à Nintendo Switch três jogos que muitos fãs pediam que chegasse à plataforma com algumas melhorias. Temos então Super Mario 64, Super Mario Sunshine e Super Mário Galaxy.

Como tudo na vida, esta é uma seleção que alguns fãs podem questionar, quer pelos jogos escolhidos, quer pela sua qualidade, mas no fim do dia eles estão aqui, na Nintendo Switch, prontos a jogar na sua melhor forma possível.

Comecemos pelo clássico dos clássicos. Super Mario 64, um dos primeiros jogos de plataformas 3D que revolucionou a indústria dos videojogos, de tal forma que ainda hoje é uma referência. Como seria de esperar, esta é a melhor forma de jogar Super Mario 64, mesmo com que nem tudo seja perfeito ou esteja à altura das expectativas dos fãs.

Temos, assim, uma apresentação virtualmente 1:1 do jogo original, adaptada às resoluções da pequena consola da Nintendo, mantendo até o seu aspeto 4:3. Conta ainda com texturas melhoradas e uma clareza de imagem mais agradável, sendo, no fundo, uma remasterização suave do clássico.

Super Mario 3D All Stars

Esta preservação do jogo original é uma delícia, especialmente para aqueles que ainda não tinham nascido quando Mario ganhou uma terceira dimensão. A ideia de podermos ter um dia um remake do jogo volta a ficar na gaveta, pois Super Mario 64 revela não só o quão atual ainda é, como também como os videojogos evoluíram desde 1996.

A sua preservação traz consigo algumas pequenas chatices originais, como alguns aspetos de level design e de objetivos pouco intuitivos, que são um autêntico produto do seu tempo, ou, em maior destaque, o movimento da câmara, que muitas vezes se revela um desafio extra na experiência. Contudo, este é o Super Mario 64 como todos nos lembramos, apresentando a sua melhor forma de jogar.

Super Mario Sunshine é visto por muitos como o “patinho feio” da série. Lançado para a GameCube, tive a oportunidade de o experimentar a primeira vez, tendo percebido logo de início a estranheza do jogo.

É, provavelmente, o jogo Super Mario que menos me deu a sensação de magia que a série tem para dar. Talvez seja a sua apresentação muito dos anos 2000 ou a mecânica principal com recurso a bisnaga, mas houve algo que não colou logo comigo de imediato.

Super Mario Sunshine também se revela um jogo bem mais difícil do que estava à espera, mas nem tudo são apreciações menos positivas. Ao contrário de Super Mario 64, Super Mario Sunshine já se apresenta como uma verdadeira remasterização. As texturas melhoradas, o aspeto 16:9, as resoluções mais altas e uma fluidez de jogo mais fixa tornam o título bastante atual, deixando que todas as suas cores da ilha paradisíaca onde a história decorre brilhem nos nossos ecrãs.

Super Mario 3D All Stars

Super Mario Galaxy é o terceiro jogo do pacote e deu-me também a oportunidade de o experimentar pela primeira vez. É o meu favorito do pacote e o jogo de Super Mario que mais ansiava que chegasse à Nintendo Switch, para além da sua sequela.

Enquanto Super Mario Galaxy 2 não salta da Wii para a Switch, o primeiro jogo é simplesmente mágico, muito graças ao seu ambiente espacial e fantasioso que se deixa acentuar pela sua banda sonora orquestrada e pelas ações fluidas do ecrã.

Com mecânicas emprestadas pelos controlos da Wii, navegar entre mundos redondos e apanhar estrelas é uma autêntica delícia para os nossos sentidos. É certo que é um jogo muito mais linear que outras entradas 3D, com uma progressão muito reminiscente da era do 2D, mas é uma jornada sem igual, cheia de alma e coração, que na Nintendo Switch se apresenta com uma qualidade de imagem fantástica.

Super Mario 3D All Stars

Além dos três jogos, temos as bandas sonoras dos três jogos num player dentro do pacote. É um docinho interessante e bem-vindo para os verdadeiros fãs da série, mas que para os jogadores casuais simplesmente existe, já que a Nintendo Switch nunca foi propriamente uma máquina multimédia.

Acredito que Super Mario 3D All Stars seja um excelente pacote para os fãs de Super Mario, mas um ainda melhor para quem nunca experimentou estes jogos nas suas plataformas originais. Aqui encontram os três jogos com toda a sua essência a funcionar de forma fantástica na Nintendo Switch, com resultados que os tornam nas melhores versões, mesmo que pudesse haver ainda algum espaço para melhorias.

Super Mario 3D All Stars já está disponível à venda para a Nintendo Switch na eShop e em lojas físicas, mas, estranhamente, apenas até ao final de março de 2021, não se sabendo para já o que está nos planos da Nintendo após esse período.

Nota: Muito Bom

Plataformas: Nintendo Switch
Este jogo foi cedido para análise pela Nintendo Portugal.

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

10,848FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
632SeguidoresSeguir

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Análise – Valco Wireless ANC Headphones

A Valco é uma startup finlandesa que se estreou na área do auscultadores com a promessa de qualidade em troca de um preço acessível.

Oficial: Máscaras passam a ser obrigatórias na rua

A medida estará em vigor durante pelo menos três meses, podendo depois ser renovada.

A Xbox pode receber uma versão em formato de streaming stick para o xCloud

Esta poderá ser um terceiro modelo da Xbox, dedicado ao streaming.