Análise – Flama 4902FL

Nunca fizemos panquecas tão boas.

- Publicidade -

Quem não adora comer uma deliciosa panqueca logo pela manhã? Nós adoramos, e foi por isso mesmo que recebemos para teste a máquina de panquecas Flama 4902FL. E uma coisa é certa: vale bem a pena o vosso investimento.

Ao tirarmos a Flama 4902FL da caixa, desde logo percebemos que esta é uma máquina com um aspeto muito simples, mas ainda assim cuidado. É aquele tipo de aparelhos para usar não só por casa, mas também em casas de campo e quartos de hotel.

Ligando a máquina pela primeira vez, reparamos que demora algum tempo até estar pronta para a cozedura. São dois minutos de pré-aquecimento, para sermos mais precisos. Este é um procedimento que se repete a cada vez que ligam a máquina, e que, a nosso ver, é o único ponto negativo. Se esse tempo fosse reduzido em metade, possivelmente não nos daria aquela sensação da fase de preparação ser algo “lenta”. Já o final da contagem é assinalado com um sinal sonoro – a máquina emite um bip três vezes para alertar que o pré-aquecimento terminou -, sendo uma preciosa ajuda para os cozinheiros mais distraídos.

A partir daí, é prestar atenção ao display LED da 4902FL, o ponto mais forte da máquina e que nos permite regular o tempo de cozedura através de dois botões (podem aumentar ou diminuir a contagem de 30 em 30 segundos), sendo que o mínimo para confecionar são 30 segundos e o máximo uns demorados 10 minutos.

É também importante referir que o aparelho tem duas concavidades para a confecção das panquecas/snacks, ambos com revestimento antiaderente, o que permite minimizar a utilização de gorduras e facilitar a limpeza do equipamento. Esta é um grande vantagem comparativamente a outras maquinas que já testámos de difícil limpeza, já que, nesses casos, escorria massa para zonas de difícil acesso, algo que nunca aconteceu com a máquina de panquecas da Flama. Já a pega antitérmica, que nos permite abrir e fechar a máquina, é também muito fácil de manusear.

No geral, é uma máquina muito intuitiva e facilmente conseguimos cozinhar qualquer tipo de panquecas ou snacks. Para que não faltem ideias, a Flama traz também um livro de receitas de panquecas e snacks que podem fazer nas mais variadas ocasiões.

Nós optámos por fazer umas deliciosas panquecas e garantimos que o resultado superou as nossas expectativas: panquecas fofas, altas e perfeitamente cozinhadas. Ficámos especialmente deslumbrados com a textura, que ficou no ponto. Bastou verter a massa, programar para confeccionar durante dois minutos, esperar – a máquina emite um som cinco vezes para informar que a cozedura ficou concluída – e devorar. Nada mais fácil.

Se quiserem cozinhar outra fornada, basta fechar tampa e aguardar até que a luz “ready” acenda. Depois é repetir o processo.

No entanto, convém ter em atenção que não devem sobrecarregar as concavidades – 1/3 do vosso preparado é a quantidade máxima de massa que devem colocar para cozinhar bem.

Experimentámos fazer também uma omelete com queijo, atum e coentros. Mais uma vez, ficou divinal.

Não temos muito mais a dizer, a não ser o facto que não devem, de forma alguma, utilizar utensílios de metal, pois estes podem danificar o revestimento antiaderente. A marca também aconselha a untar as concavidades ocasionalmente com óleo vegetal para evitar aderência e facilitar a limpeza, algo que só devem fazer após o pré-aquecimento.

Concluindo, a Flama 4902FL é uma belíssima compra (PVP 44.99€) para quem quiser garantir a perfeita confecção de panquecas ou snacks. Da nossa parte, nunca fizemos panquecas tão boas.

Recomendado

Este dispositivo foi cedido para análise pela Flama.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

The Lightbringer – Uma aventura poética

Um jogo de plataformas interessante com algumas escolhas de design que o tornam num produto bizarro.

Gleylancer – Da Mega Drive, com Amor

O título da Masaya Games chega finalmente ao ocidente, 29 anos depois da sua estreia.

Blade of Darkness – À lei da espada

Um regresso ao passado competente que merecia algumas melhorias na jogabilidade.

Shadows of Kurgansk – Fujam desta Zona de Exclusão

Mais um jogo de sobrevivência que faz o mínimo para se destacar.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes