Análise – Energy Sistem Party 6 – Uma torre multiusos

A Energy Sistem Party 6 é uma coluna de música dedicada para animar qualquer festa e vem cheia de funções e ligações.

- Publicidade -

Este equipamento é mais um exemplo do tipo de soluções áudio que a espanhola Energy Sistem dispõe e que, comparando com outros equipamentos que já aqui passaram, mostra que é uma das áreas onde a marca se sente bem a vontade.

Apesar de podermos usar a Party 6 enquanto uma coluna bluetooth, estamos perante um centro de entretenimento dedicado. É uma coluna para festas e vem preparada com uma série de ligações e modos perfeitos para eventos em casa ou no jardim, para ter numa associação, para usar em karaoke, ou, até, em eventos de rua.

Começando pelo seu aspeto, esta coluna causa uma primeira impressão pouco positiva, muito graças aos materiais usados na sua parte frontal, onde temos, basicamente, duas colunas, uma em cima da outra, com dois grandes anéis de iluminação LED, tudo revestido em plástico.

Não é propriamente uma coluna bonita e os plásticos deixam muito a desejar. Este é capaz de ser o elemento menos positivo da coluna, porque, a partir daqui, quase tudo melhora, e, ignorando esta capa, a coluna é basicamente construída em madeira, criando o ambiente necessário para o débito de um melhor som.

Energy Sistem Party 6 04

É na parte superior que começamos a ver as potencialidades desta coluna com os seus muitos controlos. Além dos habituais Ligar/Desligar e controlos de música, podemos encontrar um equalizador muito simples e agradável de usar, tendo ainda um mostrador com informação importante.

Temos ainda os botões para definir todas as ligações ativas, perfis de equalização e um botão vermelho, o Energy Music Power 600, que é a definição de “por favor não carregue”. Podem ler mais sobre este botão em baixo.

Também neste painel podemos encontrar uma ranhura para o nosso smartphone ou tablet e algumas ligações adicionais, como duas USB (uma de para leitura de ficheiros e outra de carregamento de dispositivos) e dois jacks 3.5mm para headphones e uma entrada de áudio.

Passando para a traseira, vamos também encontrar aqui funções interessantes como uma entrada de antena para rádio, entrada de áudio para o microfone incluído, entrada de áudio para ligar uma guitarra (acompanhado por um botão de volume) e duas conexões RCA para entrada e saída.

Por fim, podemos ainda controlar a Party 6 através de um simples e belo comando e usá-la como uma coluna Bluetooth graças à sua ligação 4.0.

Energy Sistem Party 6

Apesar da sua ligação Bluetooth, esta não é uma coluna sem fios, ou seja, necessita de alimentação. Ainda assim, é relativamente fácil de transportar.

Tem cerca de 10kg, mas é bem mais leve do que aparenta com as suas dimensões. Também estas são suficientes para colocar num carro e levar para qualquer lado sem complicações. Mas, ainda neste ponto, seria interessante termos tido aqui uma ou outra pega para a transportar com maior facilidade.

Olhando para as ligações que encontramos, é fácil perceber o potencial desta coluna. E funciona como pretendido, ainda que a ligação Bluetooth se tenha mostrado um desafio.

Quando selecionado o Bluetooth, o seu mostrador diz estar “Desligado”, o que não é de todo verdade, levando em erro o utilizador de que esta ligação não está ativa. Numa primeira utilização, este processo tornou-se desafiante, até percebermos que os dispositivos em volta estavam, de facto, a reconhecer a Party 6.

O alcance da ligação é o aceitável. Dentro de uma casa é possível afastarmo-nos cerca de duas a três divisões da coluna antes de começar a perder sinal. E tal como outros equipamentos deste género, ao usarem vídeos para acompanhar, esta ligação tem alguma latência.

Isto pode ser resolvido com a utilização de ligações físicas para o efeito, algo que se pode revelar útil caso queiramos acompanhar a festa com projeção de vídeos.

No que toca ao microfone, a Party 6 incluiu um microfone pronto a usar e que funciona como seria de esperar. É ligar e usar.

O som é o ponto mais importante de qualquer coluna e a Party 6 tem um excelente desempenho nesta área. Equipada com um sistema 2.1 vertical com 240W de potência, esta coluna comporta-se bastante bem. Tem um excelente alcance de volume e um uso de baixos bem moderado, sem efeitos de amplificação extra ou proprietários. O som é bastante nítido, mesmo mesmo com o volume elevado, mas, no máximo, é possível encontrar alguma distorção, dependendo da fonte do sinal.

Ou seja, a qualidade do som irá depender muito da fonte sonora. Os melhores resultados obtiveram-se quando se experimentou a coluna ligada a um amplificador dedicado, onde apresentou um som particularmente claro e encorpado quando comparado com o som digital de um Spotify. Expetável? Sim, mas com uma diferença tão grande numa coluna destas, surpreendeu.

A coluna dá ainda toda a flexibilidade de equalização ao utilizador, quer pelos perfis pré-definidos, quer pelo seu painel de ajuste manual.

Mas se quiserem ver do que a coluna é capaz, basta carregar no tal botão vermelho, o Energy Music Power 600, que automaticamente coloca o volume no máximo e a equalização padrão. Uma função a usar com cuidado e em último recurso.

Mais uma vez, a Energy Sistem apresenta um equipamento bastante interessante e completo com um valor bastante competitivo de 209€ na sua loja online.

Tirando aquele plástico horrível na parte frontal, a Energy Sistem Party 6 é extremamente completa e apresenta resultados bastante satisfatórios, sendo, assim, uma solução recomendável para quem procura algo do género.

O equipamento foi cedido para análise pela Energy Sistem.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Sigam-nos

12,931FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

Análise – Energy Sistem Headphones BT Travel 5 ANC

O cancelamento de ruído (ANC) ainda precisa de ser trabalhado, mas a nitidez do som surpreende.

Análise – Razer Opus

A nova aposta da Razer focada em Lifestyle é, sem dúvida, uma vitória.

Análise – Microfone Trust GXT 259 Rudox

Qualidade, versatilidade e conforto são as palavras de ordem na nova aposta da Trust para o mercado dos podcasts e streaming.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Crítica – One Night In Miami

One Night in Miami conta com um dos melhores elencos de 2020. Uma obra magnífica de filmmaking e storytelling.