30 dias com o Dyson Airwrap: Um caso de amor à primeira vista

É um produto caro, sem dúvida, mas o Dyson Airwrap não falha no seu propósito. E tudo o que faz, faz bem.

Dyson Airwrap
- Publicidade -

Texto por: Inês Pacheco

Quando pensamos na Dyson, a primeira coisa que nos vem à cabeça (pelo menos à minha) são os aspiradores da marca que já vimos destacados num qualquer anúncio da TV ou YouTube. Mas a marca atua em muitos outros nichos de mercado: tem candeeiros, secadores de mãos, ventiladores/termoventiladores e, até, produtos para o cabelo, como alisadores, modeladores e secadores. E foi precisamente nesta última categoria que tive oportunidade de experimentar recentemente o Airwrap.

Mas afinal no que consiste o Airwrap? Essencialmente, é um modelador de cabelo único que traz oito peças amovíveis que permitem criar todos (mas todos mesmo!) os estilos para o cabelo! Liso, ondulado, encaracolado – quem decide é quem está a utilizar. O melhor de tudo? No final ficam com um penteado digno de quem saiu do salão e que dura todo o dia… Por outras palavras, é perfeito.

Na verdade, é a tecnologia que torna tudo isto possível. No caso do Airwrap, o mesmo é impulsionado pelo motor digital Dyson V9, cuja pressão gerada é potente o suficiente para criar o efeito Coanda, usado para atrair o cabelo para a superfície da escova e alisá-lo ou para atrair o cabelo para os cilindros Dyson e enrolá-lo, sem nunca danificar o cabelo.

O Airwrap mede a temperatura do fluxo de ar e controla-a de forma inteligente, nunca ultrapassando os 150ºC, prevenindo, assim, os danos no cabelo por calor extremo, o que o distingue de outros aparelhos convencionais usados para o mesmo efeito.

O Airwrap possui três velocidades precisas de fluxo de ar e quatro definições precisas de temperatura, incluindo um jato frio constante, o que é ótimo, uma vez que ajuda a fixar o penteado durante várias horas.

Outro ponto positivo do Airwrap é que utiliza iões negativos que ajudam a reduzir a eletricidade estática do cabelo, sendo também um equipamento bastante leve e intuitivo de utilizar. Talvez o único ponto que precise de melhorar é o facto de ser algo comprido, mas nada que afete a sua performance.

Mas vamos então espreitar dentro da caixa. O pack traz um estojo em pele castanha lindíssima, equipado com um fecho magnético muito prático, e um tapete térmico antiderrapante, de modo a que possam colocar o Airwrap em segurança enquanto se penteiam.

Dyson Airwrap

Dentro do estojo estão também mais duas escovas que podem usar para esticar o cabelo – uma de alisamento firme e outra de alisamento suave -, quatro modeladores de encaracolar o cabelo de 30 e 40mm (permitem fazer os caracóis mais definidos ou deixar um leve ondulação, conforme preferirem), uma escova de volume redonda e, ainda, um secador de pré-modelação que serve, claro, para secar o cabelo o suficiente para depois fazerem o penteado que desejam.

Devido à minha experiência com outro tipo de alisadores e modeladores, confesso que, ao início, estava um pouco reticente se funcionaria no meu cabelo. Afinal de contas, não tenho muito jeito para me pentear e nunca tinha experimentado nada com este tipo de tecnologia. Receava que o meu cabelo pudesse ficar preso ou que não soubesse utilizar corretamente os modeladores para criar caracóis bonitos.

Felizmente correu tudo bem logo na primeira tentativa. E não… o meu cabelo não ficou preso.

A realidade é que é mesmo muito fácil de utilizar e até tem umas setas que indicam para que direção devem colocar o cabelo para enrolar. Claro que tem uma curva de aprendizagem e, conforme mais fui usando, melhor foram ficando, mas mesmo assim fiquei logo muito satisfeita desde o primeiro momento que o utilizei. Agora faz parte da minha morning routine e considero-o indispensável.

Após a lavagem, geralmente faço uma pré-secagem com o secador no cabelo todo. Seguidamente, separo uma mecha pequena de cabelo – ainda ligeiramente húmido – e, com o modelador de 30 mm (o que gosto mais de utilizar quando quero criar caracóis bem definidos), ligo o aparelho no ar quente durante aproximadamente 15 segundos. Para fixar, altero para o jato frio durante uns 10 segundos. E depois desligo para soltar o cabelo.

Dica: Se optarem por secções de cabelo mais pequenas para encaracolar/secar, para além de secar mais rápido, o cabelo fica com caracóis muito definidos e poupam tempo, isto porque o vosso cabelo vai secar e encaracolar num só passo, o que torna o Airwrap muito prático.

Quis ainda testar noutro tipo de cabelo diferente do meu, pelo que acabei por fazê-lo no cabelo da minha irmã, naturalmente mais liso. O resultado foi adorado pelas duas: o cabelo ficou muito suave, com um aspeto luminoso e, acima de tudo, com um volume incrível.

Se quiser optar por cabelo liso, o que faço é, após a lavagem e secagem od cabelo com a toalha, utilizo a escova de alisamento firme, secciono o cabelo em mechas, ligo o jato quente e vou passando a escova da raiz até à ponta do cabelo até ficar completamente seco. Finalizo sempre com o jato de ar frio para aumentar a durabilidade do alisamento. O resultado final é um cabelo liso e muito sedoso, sem recurso a temperaturas extremamente altas.

Dyson Airwrap

Gostava de aqui referir que o secador é o único que utilizo para secar o meu cabelo, que está bastante sensibilizado (tenho madeixas loiras). Durante 30 dias somente usei o Airwrap, quer para secar, quer para modelar/alisar.

Estas diferenças espantosas no meu cabelo converteram-me ao Airwrap. Para mim é um holy grail capilar, uma vez que, apesar do seu preço (499€), é algo perfeitamente justificável a longo prazo, deixando o cabelo com um aspeto mais saudável, mas sem abrir mão de fazer diferentes stylings – que fazem parecer que saímos diretamente da cabeleireira.

Echo Boomer Recomendado
- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Os Razer Opus X apresentam-se em diferentes cores

Um dos melhores auscultadores da Razer estão mais coloridos e baratos.

LEGO ressuscita as máquinas de escrever com um set quase funcional

Para os fãs de LEGO e da estética vintage.

Casal Garcia Crush é o jogo que dá garrafas de vinho, viagens e muito mais

Terão de ter as melhores pontuações para conseguirem os melhores prémios, pois claro.