Abertura do Peixe em Lisboa

Na passada 5ª feira inaugurou-se mais uma edição do Peixe em Lisboa. A 12ª, para sermos precisos.

- Publicidade -

Depois de se ter mudado no ano passado para o recém-recuperado Pavilhão Carlos Lopes, a aposta mantém-se e o espaço do Parque Eduardo VII volta a receber o certame organizado pela Associação de Turismo de Lisboa, com a legenda em estrangeiro Lisbon Fish & Flavours.

A estrutura essencial mantêm-se, com a presença de restaurantes clássicos (como o Monte Mar, Tágide, Ritz ou o Porto de Santa Maria, agora sob a égide de Miguel Laffan), de autor (como o Arola ou a nova Taberna Macau), e espaços específicos de chefes como Marlene Vieira ou Paulo Morais.

Adicionalmente, e para além da presença de diversos stands ligados a peixe (a bancada da saudosa Açucena Veloso continua presente), café, cerveja, azeite e arroz, mantém-se a aposta no bar dos vinhos de Lisboa, onde se disponibiliza uma vasta carta a copo, com a curiosidade de ser possível depois adquirir as garrafas dos vinhos preferidos para levar para casa. Uma ideia boa, que nunca é de mais saudar neste tipo de eventos, e numa cidade onde o vinho a copo ainda merece ser melhor tratado.



Mantêm-se também as apresentações no espaço do auditório, com a presença de nomes nacionais como Alexandre Silva (Loco, Lisboa, uma estrela Michelin, agora com o seu novo projeto Fogo), Louis Anjos (do Bon Bon, Carvoeiro, uma estrela) e António Loureiro (A Cozinha, Guimarães, uma estrela), bem como figuras internacionais como Oriol Castro (Disfrutar, Barcelona, duas estrelas), Michel van der Kroft (t’ Nonnetje, Harderwijk, duas estrelas) e Marco Stabile (Ora D’Aria, Florença, uma estrela).

Outro dos pontos de maior destaque nos últimos anos continua a marcar a sua presença, com mais uma edição dos concursos para o melhor pastel de nata e a melhor patanisca de Lisboa. Muito falatório se dará com certeza à volta destes eventos que levantam sentimentos fortes.

Ingredientes variados então em mais um ano daquele que se tornou num dos principais festivais gastronómicos da cidade.

- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

Festival O Sol da Caparica passa para 2022

A organização promete "uma edição incrível e inesquecível com muita música lusófona".

Neopop passa para 2022

Mas ainda não tem datas.

Festival Seia Jazz & Blues este ano é ao ar livre

O novo formato do festival combina música num cenário natural, o principal espaço arborizado da cidade, sonoridades para apreciar em família ou com amigos.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

LENNA. Nova marca aposta em sapatos vegan, sustentáveis e feitos em Portugal

Na verdade, trata-se de uma fusão entre alpercatas e ténis. E é bem provável que tenhamos aqui a sensação do verão.