fbpx

A Alpine já chegou a Portugal. E com ela o desportivo A110

A Alpine chega a Portugal, num espaço único e exclusivo, que ostenta todo o ADN da marca automóvel de Dieppe. O prodigioso e “viciante” desportivo A110 faz as “honras da casa” e já está à venda, prometendo grandes momentos de condução.

Num espaço nobre e exclusivo, que contará com uma equipa de profissionais 100% dedicados à marca quer na comercialização, quer no atendimento pós-venda (onde se incluem especialistas no tratamento da carroçaria em alumínio do novo Alpine A110), a Alpine estará à disposição dos seus clientes, em Lisboa, no maior concessionário automóvel do país: a Renault Chelas.

De forma diferente, mas com a mesma paixão, a história da Alpine em Portugal está agora pronta para retomar a trajetória de sucesso que se iniciou na década de 70, quando a marca deixou carimbado, por duas vezes, o seu nome no álbum de ouro no Rali de Portugal, uma das mais importantes provas automobilísticas disputadas a nível internacional.

Alpine A110

Em relação ao A110, falamos de um automóvel com um chassis e carroçaria de alumínio simultaneamente rígidos e leves, linhas de design fluídas, apuradamente aerodinâmicas e profundamente sensoriais e um motor “musculado” capaz de garantir sensações apenas comparáveis aos automóveis superdesportivos. A curta distância ao solo (com o centro de gravidade muito baixo) e a filosofia de arquitetura “tudo atrás”, ou seja, motor disposto em posição central e transmissão de potência às rodas traseiras, dão o mote para um excelente comportamento dinâmico. Já a caixa de velocidades é de dupla embraiagem.

Um motor de quatro cilindros e 1.8 litros de cilindrada, sobrealimentado por turbocompressor, capaz de debitar 252 cavalos, é outra parte da equação, que tem, também, no peso-pluma de 1080 quilos do conjunto, mais um argumento a ter em conta. À relação peso/potência de 4,3 kg/cv junta-se uma distribuição de peso quase equitativa (56% atrás e 44% à frente), capaz de conferir ao A110 um comportamento dinâmico tão preciso quanto divertido, sem prejuízo das performances puras, que fazem com que o modelo atinja os 250 km/h de velocidade máxima (limitada eletronicamente) e cumpra a famosa marca dos 0-100 km/h nuns escassos 4,5 segundos.

O Alpine A110 já pode ser encomendado, mas é um carro que custa 66 mil euros…


 

- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,779FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
628SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

Alpine está de volta com o A110 Première Edition

É um leve, elegante e ágil coupé desportivo que marca o renascer da Alpine e o seu regresso à...
- Publicidade -

Mais Recentes

Science4You lançou para o mercado o primeiro brinquedo do mundo sobre a COVID-19

A nova aposta da marca pretende que os mais novos aprendam sobre o mundo da imunologia e de que forma se podem proteger de vírus, fungos e bactérias, através de várias experiências e ferramentas didáticas.

MO lança linha especial de longsleeves anti-COVID para crianças

A coleção é inteiramente desenhada e fabricada em Portugal.