Oito dicas para proteger a nossa casa do frio e do mau tempo

São sugestões da Zurich Portugal que não só ajudam a garantir um maior conforto da família em casa, mas também a prevenir possíveis danos na habitação, equipamentos e mobiliário.

Oito dicas para proteger a nossa casa do frio e do mau tempo
- Publicidade -

Muitos podem não ter esta noção, mas a verdade é que, em Portugal, muitas das casas estão pouco preparadas para o frio e as famílias estão sensíveis à necessidade de aumentar o conforto térmico dentro de portas.

Para além do frio, hoje em dia há também que juntar as tempestades e os furacões, que são episódios climáticos extremos cada vez mais frequentes e acentuados.

Proteger a casa no inverno é, por isso, essencial, e implica manter o frio do lado de fora e aumentar a resiliência perante geadas, ventos fortes, chuva, neve, tempestades, furacões e inundações. Trata-se de, por um lado, garantir o conforto e o bem-estar das famílias, mas também de prevenir possíveis danos na habitação, equipamentos e mobiliário – sejam estes danos imediatos ou graduais, desgastando a casa ano após ano, como é o caso de infiltrações ou excesso de humidade.

Tendo isto em conta, a Zurich Portugal preparou oito dicas para quem está a pensar proteger a sua casa do frio e do mau tempo caraterísticos desta época do ano.

  • Escolham o sistema de aquecimento certo. Caso a vossa habitação não inclua sistema de aquecimento, optem pela solução mais adequada à vossa família, como piso radiante, bombas de calor, aquecimento central ou emissores térmicos. Considerem sempre a dimensão da casa e os custos de instalação, mensais e de manutenção na altura de escolher o vosso sistema de aquecimento. Com a temperatura agradável dentro de casa, não irão precisar de andar com muita roupa e sentir-se-ão muito mais confortável.
  • Vedem portas e as janelas. Esta dica serve, por um lado, para impedir a entrada de correntes de ar frio e, por outro lado, para evitar que o calor saia de dentro de casa. Poderão fazê-lo utilizando uma fita isolante, um “chouriço” ou tubos de espuma ou de borracha.
  • Utilizem papel de parede e prefiram cores quentes. Mais do que uma opção decorativa, o papel de parede pode ajudar a manter uma temperatura mais elevada no interior da vossa casa, uma vez que consegue retê-lo dentro de casa. Outra opção a considerar seria pintar as paredes com tons mais quentes, pois estes acumulam e preservam melhor o calor. Acima de tudo, estes tons ajudam a tornar a vossa casa mais acolhedora e confortável para aproveitar a companhia de quem mais ama.
  • Aproveitem a luz solar. Mesmo durante o inverno, aproveitem para usufruir da luz solar para aquecer a casa. Para isso, basta abrir as persianas e as cortinas pela manhã, manterem-se assim enquanto houver sol e, quando anoitecer, fechar tudo para impedir a entrada do frio. Desta forma, poderão saborear melhor os momentos de refeição em família, com a sala de jantar ou a cozinha mais aquecidas.
  • Coloquem cada móvel no sítio certo. Uma vez que os objetos também conseguem reter o calor, a localização exata do mobiliário vai influenciar a temperatura do interior da casa. Algumas opções que podem seguir passam por: decorar as paredes com quadros, molduras e espelhos, que ajudam a manter o calor dentro de casa; decorar o chão com tapetes e carpetes; encostar móveis de pouca utilização às paredes exteriores, que são as mais frias; posicionar as camas e sofás junto das paredes interiores, onde a temperatura é sempre mais elevada. Tentem dar destaque destaque ao mobiliário com um significado especial, como peças que herdaram da família ou que vos foram oferecidas, para tornar cada divisão mais humana e afável.
  • Fechem bem as janelas em dias de tempestade. Sempre que se preveja vento e/ou chuva fortes, é fundamental fechar bem os estores e as janelas para que não batam e, consequentemente, estalem ou partam.
  • Tenham atenção à manutenção dos telhados e paredes exteriores. Para evitar o risco de infiltrações em períodos de mau tempo, importa verificar as telhas, placa e paredes que estão expostas aos elementos. Certifiquem-se que as telhas estão bem encaixadas e que a placa, paredes exteriores e telhas não apresentam fissuras. As calhas e ralos devem ser limpos regularmente, para permitir o escoamento da água da chuva.
  • Não se esqueçam do exterior da habitação. Garantam que a poda das árvores é feita amiúde, para evitar danos maiores em dias de vento forte. Protejam, de preferência dentro de casa, objetos como mobiliário de exterior e churrasqueiras portáteis. Mantenham a limpeza do quintal, para evitar que folhas e pequenos ramos caídos possam impedir o correto escoamento da água da chuva. Em zonas vulneráveis de cheias, considerem colocar um anteparo de madeira ou metal à entrada da casa, cave ou rés-do-chão, para evitar a entrada de água.
- Publicidade -

Deixa uma resposta

Introduz o teu comentário!
Introduz o teu nome

Parceiros

Relacionados

10 dicas para melhorar e otimizar o vosso espaço de Home Office

O último ano veio alterar, talvez definitivamente, a forma como pensamos e usamos a nossa casa, desde logo devido à necessidade de fazermos dela o nosso local de trabalho.

E porque não aproveitar a quarentena para melhorar a caligrafia?

O Estado de Emergência obrigou-nos a fazer uma pausa no ritmo frenético do estilo de vida habitual. E isto significa que, de momento, surgiram boas oportunidades para iniciar atividades ou hobbies que, até agora, se encontravam por explorar por falta de tempo.

10 dicas para utilizar em apps de socialização

É importante ter em conta que nada é 100% seguro.

Keep Safe, Keep cooking. Chef Rui Rebelo ensina-nos a cozinhar durante a quarentena

Responsável pelos restaurantes Oficina Craft Snackery e Oficina do Duque, o chef Rui Rebelo é daqueles que não ficar parado sem magicar alguma coisa.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

60.000 jovens vão poder fazer um Interrail gratuito já em 2022

Poderão viajar por um período máximo de 30 dias.

Chegou o trailer oficial da 3ª temporada de You

E muita coisa vai acontecer nos novos episódios. Depois das primeiras imagens e da data de estreia da terceira temporada,...

10.ª edição do Open House Lisboa leva-nos a descobrir “Os Caminhos da Água” com várias visitas gratuitas na capital e em Almada

25 e 26 de setembro são as datas do regresso do incontornável fim de semana de visitas gratuitas que desafia a percorrer e a desvendar a cidade através da arquitectura.