Pelo menos até agora. E, se ainda não viste a série, deves fazê-lo. Apesar de poder ser indicada para um público mais adolescente, 13 Reasons Why não deixará um público mais adulto indiferente, ao relacionar-se com temas como bullying, depressão ou suicídio. Acaba por ser um abre olhos para os problemas da sociedade atual, mas, também, funciona como um grito de ajuda para quem possa estar em situação semelhante à da personagem Hannah Baker, interpretada por Katherine Langford.

Mas vamos aos números. Segundo a empresa Fizziology, empresa de métricas online, 13 Reasons Why gerou, desde a estreia, mais de 11 milhões de tweets, tornando-se, assim, na série mais popular da Netflix. Só na semana de estreia, período compreendido entre 31 de março e 7 de abril, a história conseguiu gerar mais de 3,5 milhões de tweets, um valor muito superior ao de qualquer outra estreia da plataforma de streaming.

Estes dados correspondem aos que o próprio Twitter disponibilizou.

Quanto à série em si, todos esperam pelo anúncio oficial de uma segunda temporada, já que ficaram algumas coisas por explicar. Há quem defenda que a série não deve ter uma segunda temporada, mas o próprio Jay Asher, autor da história original, gostava de ver uma segunda temporada do enredo. Surgiu entretanto na web uma notícia de que uma renovação pode estar a caminho. Ross Butler, que interpreta Reggie Mantle na primeira temporada da série Riverdale, não estará disponível para uma segunda temporada devido a conflitos de agenda. Ora, Butler dá vida a Zach Dempsey em 13 Reasons Why… A questão é: será que Butler não está disponível para a série da CW porque uma segunda temporada da série da Netflix está a ser preparada?