fbpx

PRIO criou laboratório de mobilidade elétrica no Politécnico de Leiria

Chama-se Prio Lab e chegará também aos politécnicos do Porto, Coimbra, Lisboa e Setúbal.

mobilidade elétrica

Ciente de que a mão-de-obra qualificada será uma ameaça ao desenvolvimento da mobilidade elétrica em Portugal, a PRIO uniu esforços com cinco politécnicos para formar engenheiros com know-how para potenciar esta área em Portugal.

Assim, e para começar, o Politécnico de Leiria já tem um PRIO Lab na Escola Superior de Tecnologia e Gestão do IPL.

Como parte da criação do PRIO Lab, a empresa doou ao Instituto de Leiria packs de baterias de tração de várias marcas e modelos, carregador semirrápido AC, contadores inteligentes e outros instrumentos de apoio diverso. A PRIO também tornará possível várias ações de formação para a comunidade estudantil e possibilidades de estágio na empresa.

Por ano, a empresa espera vir a formar cerca de 450 alunos.

Depois do Politécnico de Leiria, também os de Porto, Coimbra, Lisboa e Setúbal receberão um PRIO Lab. Tal faz parte de um investimento de 11,5 milhões de euros que a PRIO irá fazer, até 2025, em mobilidade elétrica.

Destaque ainda para a inauguração do primeiro posto ultra-fast-charge, localizado no concelho de Cascais, que deverá acontecer ainda este ano. Este carregador, como seria de esperar, permite reduzir ainda mais o tempo de carga em relação aos atuais carregadores.

Fonte:Prio
- Publicidade -

Afiliados

Sigam-nos

10,795FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
631SeguidoresSeguir

Media Partner

Relacionados

App PRIO.GO já deixa pagar o combustível via smartphone em 60 postos

Quando, em junho deste ano, demos a novidade de que a PRIO, através da aplicação PRIO.GO, passou...
- Publicidade -

Mais Recentes