São poucos os cinemas a reabrir portas esta segunda-feira

Até porque, sem filmes novos para exibir, como é que as salas de cinema conseguem sustentar-se?

Cinemas

Tal como previsto na 3ª fase do desconfinamento, salas de espetáculo e cinemas podem hoje reabrir portas. Porém, serão poucos a fazê-lo.

A maior exibidora, a NOS Audiovisuais, esclareceu aos meios de comunicação social que não iria reabrir as suas salas no dia de hoje.

“As medidas de segurança inerentes à abertura dos complexos de cinema, conhecidas hoje, obrigam a uma análise cuidada e detalhada, e implicam um conjunto de alterações profundas de procedimentos e sistemas, para que a NOS Cinemas possa acautelar todos os impactos operacionais e garantir os procedimentos de saúde e segurança. Nesse sentido, as salas de cinema não abrirão na próxima segunda feira”, garante a exibidora.

“Os portugueses podem ter total confiança no nosso compromisso de voltarmos à atividade logo que seja possível garantir todas as medidas de saúde e segurança e assegurar, aos nossos clientes, a experiência de cinema a que os habituámos”, conclui o email enviado aos jornalistas.

Já os restantes exibidores não se pronunciaram, mas basta irmos aos respetivos sites oficiais para concluirmos que não existe qualquer filme para exibir.

A Castello Lopes Cinemas, por exemplo, não apresenta qualquer informação relativa a filmes. É como se o site tivesse sido criado recentemente.

Já no site dos UCI Cinemas podemos constatar que, na área dos filmes, na aba “Próximos”, surge-nos o ciclo A Grande Arte no Cinema, que, segundo a descrição, fará exibir o documentário Palladio – O Espetáculo da Arquitetura, já a partir de amanhã, dia 2 de junho

Para dia 18 de junho, está prevista a transmissão em direto via satélite do espetáculo Elektra, adaptação de Strauss da tragédia grega que recebe uma nova encenação pela mão do encenador Christof Loy.

Porém, não se consegue adquirir bilhetes naquele site, pelo que, muito provavelmente, isso significa que a programação não está atualizada.

No que toca ao Cineplace, o site não está atualizado. Por exemplo, nas próximas estreias, está o filme Greyhound, protagonizado por Tom Hanks, com estreia prevista para 11 de junho. Ora, isto não está correto, até porque a Apple adquiriu os direitos de transmissão do filme para a sua plataforma. Tal não significa que o filme não possa estrear os cinemas, mas não será, certamente, durante estes dias.

Já o Cinema City também não deixa comprar bilhetes online, uma vez que não tem filmes para apresentar.

Fica difícil a vida dos cinemas, pelo que somente podem apostar em filmes que, por exemplo, ficaram pouco tempo nos cinemas após a sua estreia devido à pandemia de COVID-19.

Sigam-nos

10,855FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
632SeguidoresSeguir

Relacionados

Artistas portugueses criam mural de homenagem aos profissionais de saúde

A inauguração desta peça de arte acontece amanhã, dia 19 de junho, às 16h26.

Cinemas vão reabrir sem estreias. Há quem peça adiamento da reabertura para julho

"É como ir a um supermercado e ter as prateleiras vazias", garante o diretor-geral da FEVIP, António Paulos Santos.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Animal Crossing: New Horizons recebe os LEGO DOTS

Decorações LEGO para o jogo da Nintendo Switch.

Demon’s Souls recebe um novo vídeo de jogabilidade

São 5 minutos dedicados a um dos primeiros jogos 100% nex-gen.