Posto de Combate estreia a 6 de agosto nos cinemas nacionais

Se gostas de épicos de guerra, provavelmente tens um bom motivo para ires ao cinema ainda este mês. Posto de Combate estreia nos cinemas a 6 de agosto.

- Publicidade -

Foi uma das mais sangrentas batalhas da Guerra do Afeganistão a que se deu quando centenas de soldados talibãs emboscaram algumas dezenas de militares norte-americanos no pequeno posto militar de Kamdesh. Baseando-se em relatos verídicos, Posto de Combate é um filme de Rod Lurie.

A força norte-americana no posto de combate de Kamdesh tinha sido destacada para projetos de desenvolvimento com as comunidades locais. Contudo, a localização geográfica no sopé de três montanhas tornava a base de 53 militares especialmente vulnerável a ataques de rebeldes – uma ameaça que veio a tornar-se realidade.   

Com a decisão de fechar a base, os talibãs decidiram marcar posição, atacando o posto avançado com armas de fogo ligeiras, lança-granadas, metralhadoras pesadas e canhões sem recuo B-10, matando oito soldados americanos e ferindo quase mais duas dezenas. A Batalha de Kamdesh, como ficou conhecida, foi o mais sangrento confronto dos EUA na Guerra do Afeganistão.

Este filme é baseado no best seller internacional do jornalista Jake Tapper, intitulado de The Outpost: An Untold Story of American Valor. O elenco principal conta com nomes de peso como Orlando Bloom (O Senhor dos Anéis), Scott Eastwood (Esquadrão Suicida) e Caleb Landry Jones (Três Cartazes à Beira da Estrada).

- Publicidade -

Sigam-nos

12,475FansCurti
4,064SeguidoresSeguir
656SeguidoresSeguir

Relacionados

- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

OPPO Find X será das primeiras séries de smartphones 5G com o novo processador Snapdragon 888

Os novos dispositivos deverão chegar ao mercado no primeiro trimestre de 2021.

Samsung pode estar em vias de acabar com a linha Galaxy Note

As quebras no segmento e pandemia de COVID-19 são as razões apontadas para este possível fim.

Corsair iCue 4000X RGB – Forma, função e estilo

Seja num cenário profissional de produtividade, lazer ou entretenimento, a caixa é, por vezes, deixada para último plano quando se monta um PC. Mas não deveria de ser o caso.