EMEL quer implementar sistema de gestão inteligente de mobilidade em Lisboa

E para isso lançou um concurso público.

mobilidade
- Publicidade -

A EMEL lançou um concurso público para a implementação do Sistema Inteligente da Mobilidade de Lisboa (SIM.Lx), que permitirá gerir o tráfego da cidade de uma forma integrada e dinâmica, tornando-o mais eficiente e descongestionado, e, assim, facilitar, entre outros, a circulação dos transportes públicos e veículos de emergência.

O SIM.Lx irá tornar possível a centralização de todos os cruzamentos semaforizados de Lisboa e, através da introdução de uma componente preditiva, permitir a elaboração, em tempo real, de planos semafóricos especiais para ações programadas, nomeadamente: o fecho de vias, obras rodoviárias, eventos especiais, e de planos para acontecimentos aleatórios, como acidentes/ incidentes pontuais, circulação de veículos de emergência, entre outros, pois passará a haver a capacidade de antecipar os diferentes cenários de tráfego suscetíveis de criar situações de congestionamento.

Atualmente, a rede semafórica de Lisboa congrega 547 intersecções semafóricas (conjunto de equipamentos comandados), das quais apenas 138 estão ligadas ao sistema central GERTRUDE, um sistema revolucionário na década de 80, quando foi introduzido na cidade, mas que não tem acompanhado a evolução natural da mobilidade urbana, e que está claramente desajustado às necessidades de hoje em dia.

- Publicidade -

Parceiros

Relacionados

Aldi passa a apostar em lojas de proximidade. A primeira abre em Lisboa esta semana

A partir de agora, não será somente o Meu Super, da Sonae, a abrir lojas de proximidade em Portugal.

Lisboa. Praça de Espanha tem uma zona verde

É maior que o Jardim da Estrela e já pode ser visitada.

Lisboa não avança (para já) no processo de desconfinamento

Porém, a capital portuguesa também não recua, isto é, mantém-se na mesma fase.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Programa Cultura no Dão promove cinema drive in, concertos e a descoberta dos trilhos pré-históricos do pastoreio

O programa Cultura no Dão tem como intuito contribuir para apoiar os agentes culturais e estimular a dinâmica económica, bem como valorizar o património artístico-cultural da região.

MyNestlé está a reembolsar o valor de compra de uma bebida vegetal Wunda

Já sabem: somente é possível um reembolso por pessoa.

Antevisão – Graven (Early Access)

Dos criadores de Wrath: Aeon of Ruin chega-nos mais um jogo de ação na primeira pessoa em Early Access e com imenso potencial.