Dune de Denis Villeneuve recebe o primeiro trailer

A ambiciosa adaptação de Dune parece épica.

- Publicidade -

Uma das adaptações mais antecipadas da história do cinema (pelo menos desde a primeira tentativa em 1984 por David Lynch) chega ainda este ano e pelas mãos do aclamado realizador Denis Villeneuve.

Falamos de Dune, escrito originalmente por Frank Herbert nos anos 60, um épico sci-fi que nos leva a um futuro longínquo onde assistimos à complexa jornada de Paul Atreides pela salvação da sua família e povo, que se encontram envolvidos numa guerra pelo controlo do planeta que contém o recurso mais importante da existência.

O primeiro trailer desta adaptação ao cinema chega apenas a cerca de três meses da sua estreia e funciona como um teaser para abrir o apetite que, para além de mostrar alguns belos planos, onde vemos em grande esplendor um verme gigante que habita Arrakis, temos também a apresentação de um elenco de luxo, que inclui Timothée Chalamet, Rebecca Ferguson, Oscar Isaac, Josh Brolin, Stellan Skarsgård, Dave Bautista, Stephen McKinley Henderson, Zendaya, Chen Chang, David Dastmalchian, Sharon Duncan-Brewster, Charlotte Rampling, Jason Momoa e Javier Bardem.

Dune tem estreia marcada para Portugal no dia 17 de dezembro de 2020.

- Publicidade -

Parceiros

Relacionados

Dune: Parte Um – Isto é só o começo (Crítica com Spoilers)

É estranho, é diferente, é uma experiência original. Bem vindos a Dune.

Crítica – Dune: Parte Um

Se vieram aqui à procura de puro espetáculo, podem ficar desapontados. Mas, se vieram à procura de uma visão original de um dos universos de ficção científica mais amados de sempre, este é o filme certo.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Bird faz melhor que a Link e oferece viagens no dia de voto

São oferecidas duas viagens de 15 minutos cada.

Hotel Casino Chaves tem o único posto de carregamento ultra rápido universal de Trás-os-Montes

O Hotel Casino Chaves torna-se assim numa unidade mais completa com a parceria feita com a Power Dot Portugal.

Igreja de Bragança com estatuto de monumento foi vendida para pagar dívida a empreiteiro

A igreja foi a leilão como “espaço dedicado ao culto da religião católica”.