NOS Primavera Sound. Bilhetes anteriormente adquiridos têm de ser trocados para a edição de 2021

A organização do NOS Primavera Sound recebeu finalmente as indicações governamentais para responder às questões relacionadas com bilhetes previamente adquiridos.

NOS Primavera Sound 2020
- Publicidade -

Já todos sabem. Deveria realizar-se em junho, foi adiado para setembro e, depois, adiado para 2021. Falamos do caso do NOS Primavera Sound, que, à semelhança de outros festivais, não irá acontecer este ano.

Entretanto, e quando surgem adiamentos/cancelamentos, existem sempre imensas dúvidas relacionadas com os bilhetes previamente adquiridos.

Pois bem, o NOS Primavera Sound pode finalmente responder a todas as questões.

Em comunicado oficial, os responsáveis referem que, quem tiver adquirido bilhete para a edição deste ano, terá de trocar essa entrada por um bilhete válido para a edição de 2021. Tal deverá ser feito no ponto de venda onde foi adquirido.

Para todos aqueles aqueles que não puderem comparecer no próximo ano, o festival garante que será possível pedir o reembolso do valor do bilhete entre os dias 15 e 30 de junho de 2021, ou seja, após a realização da nona edição. Os reembolsos serão depois emitidos entre 1 e 15 de julho.

Recorde-se que o NOS Primavera Sound 2021 irá acontecer entre os dias 10 e 12 de junho. Ainda não há cartaz confirmado.

Fonte:NPS
- Publicidade -

Parceiros

Relacionados

Aqui está (parte) do cartaz do NOS Primavera Sound 2022

São muitos nomes que transitam da edição de Barcelona para a do Porto.

Festivais Primavera Sound adiados para 2022

É expectável que o mesmo aconteça com o NOS Primavera Sound.

Passes gerais para o NOS Primavera Sound 2021 já estão à venda

Depois da revelação do cartaz para a edição do próximo ano, é altura de adquirir bilhetes.

NOS Primavera Sound 2021 já tem cartaz

Nós bem tínhamos dito que íamos ter novidades esta semana.
- Publicidade -
- Publicidade -

Mais Recentes

Fórmula 1 – Grande Prémio da Hungria fica para a história graças a um Alpine e a um Mercedes

O Grande Prémio da Hungria fica marcado por uma primeira volta cujos acontecimentos, proporcionados em grande parte pelo Mercedes nº 77, conseguiram meter 5 pilotos de fora, mas também pela vitória de Esteban Ocon e ainda por termos não um, mas dois carros da Williams nos pontos.

Preparem a carteira: Combustíveis voltam a aumentar de preço já amanhã

Começa a ser um mau hábito, mas os portugueses não conseguem fugir desta realidade.